Casagrande

Casagrande

Siga nas redes
Só para assinantesAssine UOL
OpiniãoEsporte

Felipão deu uma aula tática em pleno Maracanã lotado

Que partida espetacular que fez o Atlético MG. Sem dúvida alguma, a melhor da temporada. Marcou muito forte, tirando o espaço para o Flamengo jogar, evitando que os jogadores criativos do rubro-negro pudessem pensar. Mesmo com ótima técnica e raciocínio rápido, os craques flamenguistas não conseguiram jogar.

O primeiro gol foi envolvente, com o Paulinho chamando a tabela com o Hulk, que saiu perfeita, e o artilheiro do campeonato não perdoou. Daí em diante, foi aquele esquema de atrair o time do Tite para usar a arma do contra-ataque, que aconteceu logo no início do segundo tempo, com três toques rápidos, e o Edenilson saiu na cara do Rossi e deslocou o goleiro.

O Flamengo precisou sair mais, com o Tite tentando tudo com as substituições, terminando o jogo com Gerson, Éverton Ribeiro, Gabriel, Pedro e Bruno Henrique. Portanto, ficou sem marcadores no meio-campo.

E o golpe final do Galo foi perfeito em outro contra-ataque muito rápido, preciso e inteligente, com Pavon, que havia entrado, dando um passe forte atravessando a área com o Rubens, que também entrou, atacando a bola e fazendo 3 x 0.

Foram duas jogadas de manual, saindo tudo perfeito, e se alguém for dar uma aula sobre táticas, pode pegar o segundo e terceiro gols do Galo para mostrar como se faz um verdadeiro contra-ataque.

O Felipão fez um trabalho excepcional na parte tática, técnica e mental, porque o Galo entrou no Maracanã focado e determinado a fazer o que havia sido combinado.

Luís Felipe Scolari deu uma aula tática para mais de 60 mil pessoas, que entraram no Maracanã para assistirem a esse show.

Opinião

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes