PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Lucas Lima sai do banco e garante vitória do Santos contra Ferroviária

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

31/03/2016 23h23

Apesar de Paulinho ter marcado dois gols, foi o meia Lucas Lima que “salvou” o Santos de derrota ao comandar a virada do time na goleada contra a Ferroviária por 4 a 1 nesta quinta-feira, na Vila Belmiro, em jogo válido pela 13ª rodada do Campeonato Paulista.

Poupado por defender a seleção brasileira na última terça-feira, no Paraguai, o camisa 20 assistiu do banco de reservas a derrota santista por 1 a 0 no primeiro tempo.

Sem seu “maestro”, a equipe santista quase não criou jogadas de ataque e terminou a primeira etapa com uma finalização apenas, de Gabriel Barbosa, que foi para o vestiário lamentando o fato de não receber bolas na frente.

No entanto, o Santos voltou para o segundo tempo com Lucas Lima no lugar de Alison. O meia criou a maioria das jogadas do Santos e teve participação na maioria dos gols do time, marcados por Paulinho, duas vezes, Zeca e Gabigol. 

Com a vitória, o Santos assume a liderança do Grupo A, com 26 pontos, deixando o São Bento para atrás, com 24. A equipe santista também assume a segunda melhor campanha da competição, perdendo apenas para o Corinthians, que soma 32. 

FICHA TÉCNICA - SANTOS 4 X 1 FERROVIÁRIA
 
Data: 31 de março de 2016, às 21h30 (de Brasília)
Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Árbitro: Luiz Vanderlei Martinucho.
Assistentes: Eduardo Vequi Marciano e Osvaldo Apipe de Medeiros Filho.
Renda: R$ 104.570,00.
Público: 4.208 pagantes.
 
GOLS:
SANTOS: Zeca, aos 17, e Paulinho, aos 26 e aos 30, e Gabriel, aos 47 minutos do segundo tempo.
FERROVIÁRIA: Thiago Marques, aos 32 minutos do primeiro tempo.
 
Cartões amarelos - SANTOS: Gabriel. FERROVIÁRIA: Thallyson, Fernando Gabriel.
 
SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, Gustavo Henrique, Lucas Veríssimo e Zeca; Alison (Lucas Lima), Thiago Maia e Rafael Longuine; Paulinho (Paulinho); Gabriel e Joel (Ronaldo).
Técnico: Dorival Júnior.
 
FERROVIÁRIA: Rodolfo; Igor Julião, Luan, Marcão e Thallyson; Juninho, Matheus Rosseto (Luiz Gustavo) e Fernando Gabriel; Tiago Marques (Caíque), Samuel e João Paulo (Rafinha).
Técnico:Sérgio Vieira
 

Futebol