PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Atlético-MG poupa titulares e perde para o Tombense com gol de Juan

Jogadores de Atlético-MG e Tombense disputam a bola - divulgação/Atlético-MG
Jogadores de Atlético-MG e Tombense disputam a bola Imagem: divulgação/Atlético-MG

Do UOL, em Belo Horizonte

23/01/2019 21h08

Com um time todo reserva, o Atlético-MG foi derrotado pelo Tombense por 1 a 0 na noite desta quarta-feira (23), pela segunda rodada do Campeonato Mineiro. Juan fez o único gol da partida disputada no estádio Antônio Guimarães de Almeida, em Tombos (MG).

O Galo cai para a terceira colocação do Estadual, com três pontos conquistados, por conta do resultado obtido nesta noite. O Tombense assume a vice-liderança do torneio, com quatro.

Na próxima rodada, o Galo enfrentará o Cruzeiro. O jogo será disputado neste domingo (27), às 11h (de Brasília), no Mineirão. Levir poupou os titulares justamente para entrar em campo com todos os titulares à disposição no clássico.

O melhor: Juan comanda o meio de campo e ainda balança as redes

Escalado como camisa 10 do Tombense, Juan esbanjou qualidade. Lateral esquerdo de ofício, ele fez boas jogadas por seu lado do gramado, e pisou na área com frequência. Autor do gol, ele aproveitou rebote de Cleiton e passou nas costas de Carlos César, lateral direito do Atlético, para marcar. O meio-campista foi o grande nome da partida ocorrida na noite desta quarta-feira.

O pior: Leandrinho some no ataque e falha na marcação defensiva

Emprestado pelo Napoli, da Itália, ao Atlético-MG, o atacante Leandrinho ainda não empolgou desde que chegou à Cidade do Galo. Escalado no ataque ao lado de Alerrandro, o camisa 17 foi muito mal no jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Mineiro. Pelo lado direito, teve dificuldades para criar lances no ataque e foi facilmente batido no momento da marcação.

Atlético-MG tem dificuldades na saída de bola e cria poucas chances

Com uma equipe composta por reservas, o Atlético encontrou muita dificuldade para sair jogando. Ainda desentrosados, Matheus Mancini e Martín Rea precisaram forçar a ligação direta e cometeram muitos erros para levar a bola ao meio de campo. Apesar das constantes complicações dos homens de defesa, o Galo teve muito espaço para fazer a transição.

Lançamentos aumentam o número de impedimentos do Atlético-MG

O Atlético-MG abusou de lançamentos no duelo contra o Tombense, o que ocasionou muitos lances de impedimento dos homens de frente. Alerrandro foi flagrado em ao menos duas oportunidades. Leandrinho e Daniel Penha também foram encontrados em posição irregular.

Martín Rea faz partida segura após quase 6 meses sem atuar

Contratado em agosto do ano passado, o uruguaio Martín Rea entrou em campo pela primeira vez com as cores do Atlético-MG e fez uma partida segura. O defensor, porém, não atuava há quase seis meses. A última participação do atleta, ainda com as cores do Danubio, do Uruguai, foi em 4 de agosto de 2018. Na ocasião, ele entrou em campo para o empate em 1-1 com o Racing, também do Uruguai. O jogador foi emprestado ao Galo e só teve a primeira oportunidade nesta quarta-feira.

Nathan tem primeira chance com Levir Culpi, mas não vai bem em campo

Nos primeiros dez jogos de Levir Culpi pelo Atlético-MG, Nathan jamais entrou em campo. Nesta quarta-feira, o meia-atacante voltou a ter chance de atuar no time. Ele foi escalado como titular e pouco acrescentou à equipe. O camisa 23 não criou jogadas no setor ofensivo e tampouco levou perigo à meta adversária.

FICHA TÉCNICA
TOMBENSE X ATLÉTICO-MG

Motivo: 2ª rodada do Campeoanto Mineiro
Local: Estádio Antônio Guimarães de Almeida, em Tombos (MG)
Data: 23 de janeiro de 2019 (quarta-feira)
Horário: às 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Assistentes: Augusto Magno de Ramos (MG) e Breno Rodrigues (MG)

Cartão amarelo: Marquinhos (Tombense); Bruninho, Hélio (Atlético-MG)

Gol: Juan - 4'/2ºT (1-0)

Tombense
Felipe; David, Lincoln, Reynaldo e Bruninho; Lucas de Sá (Marquinhos), Rodrigo e Juan (Trindade); Ortega, Edson (Abner) e Denilson.
Técnico: Ricardo Drubscky.

Atlético-MG
Cleiton; Carlos César, Matheus Mancini, Martín Rea e Hulk; Neto, Daniel Penha, Bruninho (Hélio) e Nathan (Igor); Leandrinho e Alerrandro (Felipe).
Técnico: Levir Culpi.

Futebol