PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Em decisão, Santos pega carrasco recente de brasileiros e técnico rejeitado

Ariel Holan, que comemora título no Maracanã, foi oferecido duas vezes ao Santos - Pilar Olivares/Reuters
Ariel Holan, que comemora título no Maracanã, foi oferecido duas vezes ao Santos Imagem: Pilar Olivares/Reuters

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

21/08/2018 04h00

O Santos inicia sua principal decisão até o momento na temporada, diante do Independiente, da Argentina, nesta terça-feira, às 21h45 (de Brasília), em Avellaneda, em jogo válido pela ida das oitavas de final da Copa Libertadores da América.

Para continuar sonhando com o título continental, o Santos terá que superar uma espécie de carrasco recente dos brasileiros. Isso porque o Independiente conseguiu feitos contra os dois clubes de maior torcida no Brasil: Flamengo e Corinthians.

Os argentinos conquistaram a Copa Sul-Americana ano passado em cima do Flamengo, calando o Maracanã lotado. Já neste ano, o time argentino venceu o Corinthians em plena Arena por 2 a 1, em jogo válido pela fase de grupos da Libertadores.

O curioso é que o Santos, que terá Cuca como estreante pelo clube na competição, poderia ter em seu banco de reservas o treinador rival desta terça-feira. Explica-se: o técnico Ariel Holan foi oferecido e recusado em duas oportunidades pela diretoria santista.

A primeira ocorreu no fim da temporada passada, quando Holan havia acabado de ser campeão da Copa Sul-Americana e cogitou deixar o clube argentino. O Santos, na ocasião, buscava um treinador e preferiu apostar em Jair Ventura.

A segunda possibilidade ocorreu após a queda de Jair. Empresários sul-americanos ofereceram Ariel Holan no mesmo “pacote” de Jorge Sampaoli e Juan Carlos Osorio. Mais uma vez a cúpula alvinegra não se empolgou com o técnico do Independiente.

Gringos titulares?

A decisão contra o Independiente mostrará se o trio de gringos do Santos – Carlos Sánchez, Bryan Ruiz e Derlis González – está mesmo com moral com o técnico Cuca. O treinador escalou os três atletas como titulares na vitória por 3 a 0 contra o Sport, no último sábado, na Vila Belmiro, pelo Campeonato Brasileiro.

No entanto, Bryan Ruiz e Derlis atuaram nas vagas de Rodrygo e Bruno Henrique. A torcida se empolgou com os gringos, mas Cuca deve retornar com os antigos titulares, poupados da equipe titular diante dos pernambucanos.

O único com vaga garantida é Carlos Sánchez. Mas a dúvida fica por conta dos companheiros do uruguaio no meio-campo. Diego Pituca e Renato brigam por uma vaga. O meia-atacante Eduardo Sasha, que voltou ao time no último sábado e fez gol, e o volante Alison correm risco de perder espaço no time que inicia a partida na Argentina.

FICHA TÉCNICA

Independiente x Santos

Data e horário: 21/08/2018, às 21h45 (de Brasília)
Local: Estádio Libertadores de América, em Avellaneda-ARG
Árbitro: Diego Haro (Peru)
Assistentes: Jonny Bossio e Victor Ráez (ambos do Peru)

Independiente: Campaña; Bustos, Burdisso, Gastón Silva e Sánchez Miño; Francisco Silva, Pablo Hernández e Gaibor; Meza, Gigliotti e Benítez. Técnico: Ariel Holan.

Santos: Vanderlei, Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique, Dodô; Alison (Renato), Carlos Sánchez, Diego Pituca (Sasha); Bruno Henrique, Gabigol e Rodrygo. Técnico: Cuca.

Futebol