PUBLICIDADE
Topo

Futebol

"Ih, ih, ih, a dancinha do Jair": comemoração vira meme no Botafogo

Dancinha de Jair Ventura na Libertadores virou meme no Botafogo - Vitor Silva/SSPress/Botafogo.
Dancinha de Jair Ventura na Libertadores virou meme no Botafogo Imagem: Vitor Silva/SSPress/Botafogo.

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

17/02/2017 04h33

O gol marcado por Rodrigo Pimpão, sobre o Colo-colo, garantiu o Botafogo na terceira fase da Libertadores. E serviu também para fazer Jair Ventura virar meme e cair nas graças da torcida. Isso porque a dança improvisada pelo treinador do Alvinegro na comemoração viralizou e ganhou a internet.

Prova disso foi na recepção da equipe no aeroporto. Na oportunidade, bastou o treinador aparecer no saguão para a torcida presente entoar a música: “ih, ih, ih, a dancinha do Jair”. O comandante do Alvinegro, meio sem jeito, comentou a situação.

“Dança você precisa de música, não tinha música. Foi algo espontâneo. Jogador pensa na comemoração, treinador é espontâneo. Deu na hora, e eu nem sabia. Meu celular bombou, cheio de montagem”, disse o treinador do Botafogo.

“O gol é o grande momento do futebol. Sou coração e ali saiu um salto meio doido. Não foi dança porque não tinha música. Tacaram objeto na gente, vestiário pintado, uma pena ter que passar por isso, mas futebol se joga dentro de campo”, completou Jair Ventura.

Brincadeiras à parte, o fato é que Jair Ventura caiu nas graças dos torcedores. O treinador é bastante comemorado pelas arquibancadas, sendo um dos nomes mais exaltados pelos botafoguenses na atualidade. Para se ter uma ideia, ele divide esse status com Montillo, Camilo e Rodrigo Pimpão.

Jair Ventura está no Botafogo desde 2008, quando chegou como preparador físico. No ano seguinte, virou auxiliar técnico do então treinador Ney Franco. Em 2010, estreou como interino até a chegada de Joel Santana. Ficou na mesma função até 2013, quando foi desligado do clube.

Voltou em 2015, após estudar bastante e entrar de cabeça na profissão de técnico de futebol. Passou rapidamente pela base e voltou ao profissional, onde ficou até ser efetivado como treinador da equipe principal em agosto do ano passado.

Nas suas mãos, o Botafogo, forte candidato ao rebaixamento, teve um salto de qualidade e se classificou para a Libertadores, competição onde o Alvinegro tem feito bonito nesse início de ano. Que venham muitas dancinhas pela frente.

Futebol