PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Resignado, Muricy diz que faltou pegada e rival foi "muito superior"

Dassler Marques, Pedro Lopes e Thales Calipo

Do UOL, em São Paulo

19/02/2015 00h58

O São Paulo praticamente não incomodou o goleiro Cássio nesta quarta-feira, e saiu derrotado do Itaquerão no primeiro clássico contra o Corinthians pela Libertadores. Após a derrota, o técnico Muricy Ramalho admitiu o amplo domínio alvinegro, e deixou claro que não ficou nem um pouco satisfeito com o futebol de sua equipe.

"Tem que reconhecer que precisa mais, esse jogo de toque é muito pouco, ainda mais em clássico. Produziu muito pouco. O Corinthians foi muito superior, em todos os sentidos. A gente pensa em uma coisa, as vezes não acontece", afirmou.

Para o treinador, com esse futebol, o São Paulo corre risco de não conseguir se classificar na primeira fase da Libertadores. "Cássio não pegou nenhuma bola, isso que preocupa a gente. Quis liberar os laterais, os dois atacantes e o Ganso mas não surtiu efeito. Não teve penetração, jogada de fundo de campo. Para classificar, muito pouco. Só com isso não tem condições".

Além da falta de profundidade no ataque, Muricy reconhece que faltou pegada ao time. Segundo o comandante, os próprios jogadores reconhecem isso no vestiário.

"Foi isso mesmo. Sentimento no vestiário é esse mesmo, não é pela Libertadores, tem que pegar mais, diminuir um pouco mais", afirmou.

Ao deixarem o gramado, os jogadores do São Paulo reclamaram muito de uma falta de Emerson em Bruno, que teria gerado o segundo gol. Ganso chegou a usar o termo "roubo". Muricy rejeitou qualquer culpa da arbitragem.

"Arbitragem eu não acho que deve responsabilizar, a gente não jogou bem. Teve uma boa posse de bola, é o que nosso time tem, mas muito pouca profundidade, então não dá para reclamar. O lance era muito longe para mim, foi o segundo gol, mas também se não faz fica um a zero, não chegamos no gol", finalizou.

O São Paulo tenta se recuperar pela Libertadores na próxima quarta-feira, diante do Danubio, no Morumbi.

Futebol