PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Inter inicia o Gauchão de olho em marca histórica que dura 42 anos

Capitão do Inter, D"Alessandro quer levantar mais uma taça de Campeonato Gaúcho - Jeremias Wernek/UOL
Capitão do Inter, D'Alessandro quer levantar mais uma taça de Campeonato Gaúcho Imagem: Jeremias Wernek/UOL

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

31/01/2016 06h00

Em 1974, no dia 1ª de dezembro, o Internacional fez 1 a 0 no Grêmio com gol de Valdomiro. Ali comemorou o hexacampeonato gaúcho. Foi a segunda vez na história que seis Campeonatos Gaúchos foram conquistados em série (depois virariam oito). Marca que pode ser igualada 42 anos depois. Neste domingo (31) às 19h30 (horário de Brasília), o Colorado abre sua participação no Estadual de olho em repetir tal feito, diante do Ypiranga. 

Há 42 anos foram 18 jogos e 18 vitórias. Uma campanha perfeita, que é praticamente impossível hoje em dia. Contudo, o Internacional trata a supremacia no Rio Grande do Sul como grande objetivo do primeiro semestre. Fora da Libertadores, ganhar o Gauchão é prioridade absoluta. 
 
Em seguida, naquela década, vieram mais dois títulos, em 1975 e 1976, confirmando o histórico octacampenato gaúcho, interrompido pelo Grêmio em 1977. 
 
O técnico Argel Fucks foi mantido no cargo e não perdeu praticamente jogador algum. Em relação ao fim do ano passado, novidades são apenas os acréscimos de Fernando Bob, PC Magalhães, Marquinhos e Fabinho. Destes, apenas o primeiro é titular. 
 
Sem Valdívia, lesionado, e com esquema mantido em relação à temporada anterior, o Internacional terá pela frente o time que recentemente subiu da Série D para Série C do Brasileiro. Empolgado, o Ypiranga visita a equipe vermelha muito diferente do ano passado. Apenas oito jogadores seguem no elenco e 11 foram contratados. 
 
FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL X YPIRANGA-RS
Data e hora: 31/01/2016 (Domingo), às 19h30 (Brasília)
Local: estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Transmissão na TV: PPV
Árbitro: Lúcio Flor
Auxiliares: Tiago Diel e Érico de Carvalho
INTERNACIONAL: Alisson; William, Paulão, Réver e Arthur; Fernando Bob, Rodrigo Dourado,  D'Alessandro e Anderson; Vitinho e Eduardo Sasha. 
Técnico: Argel Fucks
YPIRANGA: Carlão; Márcio Lima, Negretti, Wesley e Laerte; Jessé, Robson, Danilo e Jardel; João Paulo e Túlio Renan
Técnico: Leocir Dall'Astra

Futebol