PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Sob batuta de Marcos Jr, Flu goleia Bangu na estreia da Taça Rio

Do UOL, no Rio de Janeiro

21/02/2018 18h27

O Fluminense goleou o Bangu por 4 a 0 nesta quarta-feira, em Moça Bonita. Melhor em campo, Marcos Jr fez dois gols do Tricolor (Pedro e Marlon Freitas completaram) e garantiu os três pontos da equipe na estreia da Taça Rio. Os donos da casa jogaram com um jogador a menos após a expulsão de Michel ainda no primeiro tempo.

Com 3 pontos, o Fluminense tem pela frente o clássico com o Flamengo no sábado, ás 17h, na Arena Pantanal.

Flu quase abre placar ‘sem querer’

Bem postado, o Fluminense trocava passes com qualidade mesmo diante da forte marcação do Bangu. O esquema com três zagueiros fazia com que os defensores tivessem que se projetar ao ataque em algumas oportunidades. Em uma delas, Renato Chaves fez a de lateral direito e foi até a intermediária. Na hora do cruzamento, ele não pegou tão bem na bola, que quase morreu no fundo das redes. Boa defesa de Célio Gabriel, aos 8min.

Bangu reclama de pênalti

O Bangu, por sua vez, tinha muita dificuldade de chegar ao ataque. Em uma das raras subidas, Nilson brigou com Gum por espaço na área aos 11min. O zagueiro do Fluminense caiu na área e viu o atacante rival tropeçar em suas pernas e desabar. A arbitragem não marcou falta para revolta dos donos da casa.

Almir perde gol incrível

Em rápido contra-ataque, Valdir foi até a linha de fundo e cruzou para trás. Gum tentou o corte, mas não alcançou. A bola chegou limpa para Almir, que cabeceou mal e mandou por cima do gol de Julio Cesar.

Pedro recebe na pequena área e manda para fora

Não foi só o Bangu que perdeu um gol incrível. Aos 37min, Pedro se posicionou bem e viu a bola sobrar para ele na pequena área. Ele subiu de cabeça, mas mandou por cima do gol de Celio Gabriel.

Zagueiro do Bangu é expulso

Gilberto fez grande jogada e arrancou em velocidade. Quando passava por Michel, último marcador, foi derrubado quase na grande área. A arbitragem marcou falta e não pensou duas vezes em expulsar o zagueiro.

E Flu acerta a trave

Na cobrança da falta, Sornoza bateu com perfeição no ângulo esquerdo de Célio Gabriel, que operou um verdadeiro milagre. O goleiro do Bangu se esticou todo e espalmou a bola antes que ela explodisse na trave. Defesa salvador no último lance do primeiro tempo.

Baixinho, Marcos Jr abre placar de cabeça

A forte pressão do Fluminense nos minutos iniciais teve resultado. Aproveitando-se da superioridade numérica, o Tricolor abriu o placar no primeiro lance de ataque. Marlon cruzou da esquerda na cabeça do 'baixinho' Marcos Júnior. Com categoria, o atacante deslocou o goleiro do Bangu e abriu o placar.

'Matador'! Marcos Jr amplia

O início de segundo tempo do Fluminense, sob a batutua de Marcos Jr, foi fulminante. O atacante mostrou seu faro de artilheiro fez o segundo dele e do Tricolor aos 6min. Ele dominou na entrada da área e com a canhota finalizou no canto direito de Célio Gabriel, que nada pôde fazer: 2 a 0.

Pedro se recupera e deixa sua marca

Após perder um gol feito no primeiro tempo, Pedro deixou sua marca no segundo tempo. O atacante mostrou oportunismo para empurrar para as redes o rebote do chute de Robinho. Fácil, fácil: 3 a 0.

Marlon Freitas transforma em goleada

Foram precisos poucos minutos em campo para Marlon Freitas balançar as redes e transformar a vitória em goleada. O volante recebeu belo passe de Marlon e não teve dificuldade para dominar e finalizar na saída de Célio Gabriel: 4 a 0. 


BANGU 0 X 4 FLUMINENSE

Data e hora: 21/02/2018, quarta-feira, às 16h30 (horário de Brasília)
Local: Moça Bonita, em Bangu (RJ)
Arbitragem: Daniel de Sousa Macedo
Auxiliares: João Luiz Coelho de Albuquerque e Wendel de Paiva Corrêa
Cartões amarelo: Nilson e Rodney (BAN)
Cartão vermelho: Michel (BAN)
Gols: Marcos Júnior, aos 2min, e 6min, Pedro, aos 29min, e Marlon Freitas, aos 39min do segundo tempo;

Bangu
Célio Gabriel; Valdir, Michel, Oliveira e Guilherme; Magno Ribeiro, Rodney, Leonardo Jesus (Marcos Jr) e Almir (Anderson Penna); Everton Sena e Nilson (Anderson Lessa)
Técnico: Alfredo Sampaio

Fluminense
Julio Cesar; Renato Chaves (Robinho), Gum e Ibañez. Guilberto, Richard (Reginaldo), Jadson, Sornoza e Marlon; Marcos Júnior (Marlon Freitas) e Pedro
Técnico: Abel Braga

Futebol