PUBLICIDADE
Topo
Comprar ingresso
Comprar ingresso

Corinthians

Corinthians sofre até o fim, vira sobre o Avenida-RS e se classifica

Arthur Sandes e Samir Carvalho

Do UOL, em São Paulo

20/02/2019 23h24

Foi suado, sofrido, chorado, mas o Corinthians conseguiu virar sobre o modesto Avenida-RS e vencer hoje por 4 a 2 para se classificar à terceira fase da Copa do Brasil. Jogando na Arena, o Alvinegro vacilou duas vezes em dez minutos e teve que correr atrás o jogo inteiro. Após Henrique e Avelar marcarem, Júnior Urso fez o gol salvador aos 42 minutos do segundo tempo. Gustagol ainda fez o quarto gol aos 46 minutos.

O time de Fábio Carille entrou em campo com força máxima e repetiu a escalação da vitória por 2 a 1 sobre o São Paulo, em clássico disputado no último domingo, em Itaquera, pela sétima rodada do Campeonato Paulista. Mesmo assim, precisou de substituições durante o jogo para escapar do vexame.

Após a classificação suada, o Corinthians agora espera o confronto entre Foz do Iguaçu-PR e Ceará para conhecer seu rival na terceira fase da Copa do Brasil - os times decidem a vaga na quarta-feira que vem (27). Antes disso, o Alvinegro volta a campo às 19h (de Brasília) deste domingo para visitar o Botafogo-SP pelo Campeonato Paulista.

Quem foi bem: Júnior Urso "salva" o Corinthians de vexame

O volante, que marcou gol salvador do Corinthians aos 42 minutos do segundo tempo, se destacou por proteger a defesa e "subir" ao ataque com perigo, principalmente na segunda etapa.

Quem foi mal: Henrique fez gol, mas "entregou" novamente

O zagueiro Henrique falhou ao "furar" a bola e deixar o atacante Tito livre para marcar o segundo gol do Avenida aos nove minutos do primeiro tempo.

Cássio e Henrique falham em gols do Avenida

Tito comemora gol do Avenida - Marcello Zambrana/AGIF - Marcello Zambrana/AGIF
Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

O Avenida surpreendeu ao abrir 2 a 0 no placar com nove muitos de jogo, mas vale destacar que o time gaúcho contou com a falha de dois experientes corintianos: Cássio e Henrique. No primeiro gol, o camisa 12 não segurou uma cabeçada fraca de Flávio Torres, que subiu entre três defensores do Corinthians. No segundo gol, Henrique "furou" a bola e deixou o atacante Tito, livre, para chutar cruzado e ampliar.

Carille muda tudo em meia hora

Love - Daniel Vorley/AGIF - Daniel Vorley/AGIF
Imagem: Daniel Vorley/AGIF

Os dois gols de desvantagem logo cedo pegaram o Corinthians de surpresa e obrigaram Fábio Carille a um improviso. Vendo o Avenida inteiro atrás, o treinador trocou Ralf por Vagner Love ainda os 27 minutos. O camisa 9 entrou na faixa central do campo, mas sem função muito bem estabelecida, refletindo uma certa desorganização ofensiva da equipe como um todo.

Pedrinho se destaca em busca da virada

Pedrinho - Daniel Vorley/AGIF - Daniel Vorley/AGIF
Imagem: Daniel Vorley/AGIF

O atacante Pedrinho não se escondeu após o Avenida abrir 2 a 0 no placar. A revelação do Alvinegro criou boas jogadas do lado direito do ataque. Além do cruzamento para o gol de Henrique, ele quase marcou um golaço em chute de fora da área, mas o goleiro do Avenida fez uma grande defesa, espalmando para escanteio.

Henrique "ressuscita" Corinthians no fim do 1º tempo

Henrique comemora gol - Marcello Zambrana/AGIF - Marcello Zambrana/AGIF
Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Após falhar no segundo gol do Avenida, Henrique aproveitou cruzamento de Pedrinho e desviou com o pé direito na entrada da pequena área para "ressuscitar" o Corinthians no jogo aos 46 minutos do primeiro tempo. O defensor deixou o gramado empolgado e confiante na virada. "Dá, sim. A gente está em cima deles", disse o zagueiro, no intervalo.

Avenida quase "mata o jogo" com chute na trave

O Avenida quase ampliou em chute do atacante Tito aos três minutos do segundo tempo. Cássio pulou, mas não alcançou a bola que acertou a sua trave esquerda. Nove minutos depois, em contra-ataque rápido, Tito, de novo, invadiu a área e viu o goleiro do Corinthians sair rápido em seus pés.

Avelar empata com mais um "brilho" de Sornoza

O lateral-esquerdo Danilo Avelar empatou o jogo aos 31 minutos após sufoco do Corinthians durante todo o segundo tempo. O lateral, que já havia brilhado ao marcar o gol da vitória sobre o Palmeiras, subiu mais alto que a defesa do Avenida e marcou de cabeça após cobrança de falta de Sornoza. Aliás, o equatoriano também brilha novamente. Já são cinco assistências em sete jogos oficiais com a camisa do Timão.

Em quatro minutos, Corinthians garante classificação

O Corinthians escapou do vexame da eliminação para o Avenida em quatro minutos. Aos 42 minutos do segundo tempo, Júnior Urso fez o gol da classificação, e Gustagol marcou aos 46 minutos e eliminou de vez o "fantasma do Sul".

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 4 x 2 AVENIDA-RS

Data: 20 de fevereiro de 2019
Local: Arena Corinthians, São Paulo-SP
Hora: 21h30 (de Brasília)
Público: 21.120 pagantes (total de 21.402)
Renda: R$ 664.493,50
Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)
Assistentes: Jean Marcio dos Santos e Vinicius Melo de Lima (ambos do RN)
Cartões Amarelos: Felipe Manoel, Fabiano, Márcio (Avenida-RS)
Cartão Vermelho: não houve

Gols: Flávio Torres aos 3'; Tito aos 9', e Henrique aos 46 minutos do primeiro tempo. Danilo Avelar aos 31', e Júnior Urso aos 42' e Gustavo aos 46 minutos do segundo tempo.

Corinthians: Cássio; Fagner, Manoel, Henrique e Danilo Avelar; Ralf (Vagner Love), Júnior Urso, Sornoza (Boselli), Pedrinho e Clayson (Sergio Díaz); Gustavo. Treinador: Fábio Carille.

Avenida-RS: Fabiano; Felipe Cordeiro, Yuri, Claudinho e Márcio. Carlinhos (Thiago Steffen), Felipe Manoel, Jô e Welder; Tito (Maurício) e Flávio Torres. Treinador: Fabiano Daitx.

Corinthians