PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Adversário paraibano está invicto em 2018 e terá 12 "espiões" contra o Galo

Técnico Leston Júnior já rodou Minas Gerais e hoje comanda o Botafogo da Paraíba - Divulgação/Botafogo-PB
Técnico Leston Júnior já rodou Minas Gerais e hoje comanda o Botafogo da Paraíba Imagem: Divulgação/Botafogo-PB

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

20/02/2018 04h00

O Atlético-MG não terá vida fácil nesta quarta-feira, pela Copa do Brasil. Pela segunda fase da competição, o Galo vai à Paraíba enfrentar o Botafogo, equipe que vem fazendo bonito na temporada de 2018 com direito a vitória em clássico estadual no último fim de semana. Além da boa fase, o adversário também conta com um elenco repleto de figuras conhecidos do futebol mineiro, a começar pelo técnico Leston Júnior. Dentro e fora de campo, o comandante ainda terá outros 11 jogadores que conhecem bem o Atlético, seja em jogos contra ou até mesmo vestindo a camisa do alvinegro.

O Botafogo-PB realizou 12 jogos até aqui em 2018, vencendo todos os três compromissos na Copa do Nordeste e triunfando em quatro oportunidades no Estadual (empatou outros quatro). No último domingo, a equipe venceu o clássico contra o Treze de Campina Grande por 4 a 2 e chega com moral para enfrentar o Atlético. Na Copa do Brasil, a equipe vem de uma vitória na estreia contra o Floresta, do Ceará.

Desde outubro do ano passado o Botafogo é comandado por Leston Júnior, técnico nascido em Divinópolis-MG e com passagem por três clubes mineiros, além de América-MG e Cruzeiro nas categorias de base. Leston chegou pouco tempo depois de o Botafogo se safar do descenso para a Série D do Brasileiro. Visando a temporada de 2018, participou de uma grande reformulação no clube que mudou praticamente 90% dos jogadores. Hoje, o Botafogo conta com outros 11 jogadores que já rodaram Minas Gerais e servirão como espiões para tentar bater o Galo no estádio Almeidão.

Campeão da Tríplice Coroa com o Cruzeiro, o zagueiro Gladstone é o capitão e um dos jogadores mais ilustres do Botafogo. A lateral direita é ocupada por Felipe Cordeiro, formado nas categorias de base do Atlético. Com passagem pelo América-MG, estão os zagueiros Lula e André Santos, os laterais Gedeílson e Carlos Renato, o volante Rafael Jataí e o meia Mazinho. Completando a lista de "espiões", Fábio Alves e Allan Dias chegaram da URT, assim como o meia Hiroshi, que veio do Tupi, todos eles com o aval de Leston.

Além dos jogadores rodados pelo interior mineiro e com histórico de confrontos contra e a favor do Galo, o Botafogo ainda tem outro nome importante. Apesar de não ter passado por terras mineiras, Marcos Aurélio passou por grandes clubes brasileiros como o Atlético-PR, Santos, Coritiba e Internacional. Hoje, ele veste a 10 do Belo e é uma das armas de Leston.

Futebol