PUBLICIDADE
Topo

Série B - 2019

Mesmo com sucesso de estratégia, Palmeiras perde força máxima antes do previsto

Zagueiro Henrique foi convocado para a seleção brasileira - Rodrigo Capote/UOL
Zagueiro Henrique foi convocado para a seleção brasileira Imagem: Rodrigo Capote/UOL

Do UOL, em São Paulo

02/10/2013 06h00

O zagueiro Henrique e o meia Valdivia irão desfalcar o Palmeiras contra o ABC, no próximo sábado. Ambos tomaram o terceiro cartão amarelo no jogo contra o Oeste. Como eles emendam a suspensão com suas apresentações a suas respectivas seleções, serão desfalque no time alviverde nas próximas quatro partidas. Suas ausências atrapalham em parte uma estratégia montada pelo clube para ter força máxima em campo.

Na semana passada, o clube pediu ao STJD a retirada de efeito suspensivo de Wesley e Mendieta para que eles cumprissem punição antes de Valdivia e Henrique se tornarem desfalque. O volante já cumpriu e voltou ao time no jogo contra o América-RN. O paraguaio, por sua vez, volta contra o ABC. A ideia era, portanto, ter os quatro disponíveis para o jogo em Natal. No entanto, os cartões amarelos inviabilizaram isso. Ou seja, embora a estratégia arquitetada tenha sido bem sucedida, ela não previu esse detalhe.

“Vamos ter que trabalhar bastante, ver como a gente vai armar o time. O importante é os que entraram. Salientar sempre o elenco. Não é porque não inicia o jogo que não tem que ter comprometimento com a vitória. São ausências de grandes jogadores, mas temos que enaltecer os que estão entrando. Vamos ter uma equipe competitiva”, comentou o técnico Gilson Kleina.

O Palmeiras também não poderá contar com o atacante Leandro contra o ABC. O jogador foi expulso após uma confusão com o goleiro Fernando Leal. Além disso, Alan Kardec será julgado nesta quinta-feira pelo STJD por causa de sua expulsão na partida contra o América-MG, no último dia 14, e pode se tornar mais um desfalque caso seja punido.

“Não tem problema se tem alguém suspenso. O elenco é grande e forte, tem muita qualidade. Volta o Mendieta agora. Ninguém está aqui para entrar no jogo e pensar em procurar cartão. Mas estamos mostrando no campeonato que quem faz igual ou melhor, por isso não preocupa muito”, contemporizou Valdivia.

O Palmeiras, que lidera a Série B do Campeonato Brasileiro de forma isolada, enfrenta uma sequência de mais cinco jogos longe de casa antes de voltar a São Paulo. Juntamente com os desfalques, esse é o principal obstáculo que terá que ser superado, segundo o comandante Gilson Kleina.

“Essa é a logística que tivemos que remanejar. Teremos que ter concentração antecipada porque são muitas viagens. Já conversamos com o elenco, é um sacrifício a mais que teremos que fazer”, lamentou.