PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Corinthians muda em todos setores e abandona tática campeã

Felipe e Cristian conversam na véspera de partida contra a Ponte Preta nesta quarta - Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Felipe e Cristian conversam na véspera de partida contra a Ponte Preta nesta quarta Imagem: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

25/05/2016 20h07

A busca por vitórias e estabilidade fez Tite mudar o Corinthians de forma drástica nas últimas semanas. Nesta quinta-feira, diante da Ponte Preta (11h de Brasília), a versão mais reformulada da equipe terá, inclusive, um novo sistema tático.

A dificuldade em encaixar alguns jogadores ao 4-1-4-1, uma das marcas do campeão brasileiro de 2015, fez Tite rever conceitos. O Corinthians se modificou e passará, definitivamente, a jogar de uma nova maneira a partir de agora. Utilizado em momentos da partida contra o Vitória, o 4-2-3-1 abre melhores possibilidades para dois nomes em especial.

Alvo de críticas e cotado para deixar o time, Bruno Henrique ganhou um novo papel nesse novo cenário. Após meses de tentativas em adaptar o jogador à função que era realizada por Ralf, Tite fará dele o segundo volante da equipe que encara a Ponte. A ideia é que Cristian, agora posicionado a seu lado e novo titular, divida o trabalho sujo no meio e melhore a saída de bola. Será a primeira partida oficial do veterano como titular no ano - ele jogou 46 minutos em 2016.

Outro jogador beneficiado com as mudanças é Guilherme. Com dificuldades para repetir o que fazia Renato Augusto no time do ano passado, ele enfim recebeu de Tite a liberdade para atuar próximo da área adversária. Diante do Vitória, o meia-atacante já se comportou dessa maneira e foi responsável por alguns dos melhores lances do Corinthians no Barradão. A ideia da comissão técnica é que, inclusive, Guilherme tenha menos responsabilidades defensivas que Giovanni Augusto e Marquinhos Gabriel, os outros meias do novo time.

Questionado se neste momento o Corinthians se adaptava às características de seus jogadores, Tite discordou. "A ideia do treinador é sempre ajustar os atletas a um sistema e não o contrário. O que teve no início do ano é porque havia engrenagem montada e não há outra forma de observar a não ser colocando e ajustando. A partir do momento em que eles chegam em determinado estágio, é hora de realizar outro ajuste inevitável. Mas a ideia do técnico está clara, de ajustar o sistema às características do atleta".

Tite, além do meio-campo, mexeu em vários setores do time desde as eliminações. Cássio foi barrado pela primeira vez em quatro anos para a entrada de Walter no domingo. Agora, André é outro afetado e perdeu seu lugar para Luciano. Além de tudo isso, o treinador precisou recorrer à quarta opção para a defesa, e Vílson assume um lugar na zaga ao lado de Felipe.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS x PONTE PRETA
Data e horário: quinta-feira, 11h (horário de Brasília)
Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Arbitragem: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Auxiliares: Fábio Rogério Baesteiro (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)
Transmissão na TV: Premiere
CORINTHIANS
Walter; Fagner, Felipe, Vílson e Uendel; Cristian e Bruno Henrique; Marquinhos Gabriel, Guilherme e Giovanni Augusto; Luciano.
Treinador: Tite
PONTE PRETA
João Carlos, Jeferson, Douglas Grolli, Kadu e Reinaldo; João Vittor, Matheus Jesus e Ravanelli; Felipe Azevedo, Clayson e Wellington Paulista.
Treinador: Eduardo Baptista

Esporte