PUBLICIDADE
Topo

Surfe 360°

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

15 homens e duas mulheres; Brasil vai com tudo na etapa do Havaí do CS

Haleiwa. North Shore, Hawaii - divulgação
Haleiwa. North Shore, Hawaii Imagem: divulgação
Conteúdo exclusivo para assinantes
Thiago Blum

É jornalista esportivo desde 1992, mas acompanha o surfe há quatro décadas. Trabalhou por 19 anos na ESPN e atualmente é editor de esportes do Jornal da Band. Cobriu cinco Copas do Mundo e cinco edições dos Jogos Olímpicos.

Colunista do UOL

25/11/2021 20h00

A hora da verdade. Todo ano é assim. Quando chega o fim do calendário e o tour desembarca no Havaí, a mensagem é direta:

Não há tempo para fugas ou erros. Vacilar agora, significa mais uma temporada de muita ralação para atingir o objetivo de fazer parte da elite da World Surf League.

A partir desta sexta, rola em Haleiwa, a 4º e último evento do Challenger Series, circuito que elege 12 homens e 6 mulheres para o Championship Tour 2022. Ou seja, a realização do sonho de todos os surfistas competidores.

cartaz - WSL - WSL
Michelob ULTRA Pure Gold Haleiwa Challenger
Imagem: WSL

Por enquanto, o Brasil tem 7 nomes garantidos no próximo WT, todos classificados via ranking de 2021.

O tricampeão Gabriel Medina, Filipe Toledo (vice), Italo Ferreira (3º), Yago Dora (9º), Deivid Sila (14º), Jadson André (19º) e Miguel Pupo (20º).

Os outros do time buscam vagas pelo CS desde setembro.

Só 2 chegam ao North Shore dentro da bolha dos 12: João Chumbinho e Samuel Pupo.

Lucas Silveira e Mateus Herdy estão colados na faixa de corte. Thiago Camarão, Alejo Muniz, Alex Ribeiro, Edgar Groggia e Jessé Mendes também entre os 40 melhores.

JJF - WSL - WSL
John John Florence é sempre um dos favoritos em Haleiwa
Imagem: WSL

Dos 15 inscritos na chave masculina, 3 entram na 1ª fase, os outros no round 64. Confira as baterias com brasileiros:

heat 1 / round 80: Rafael Teixeira, Ian Gouveia, Aritz Aranburu (ESP) e Kalani Ball (AUS)

heat 7 / round 80: Ian Gentil (HAW), Weslley Dantas, Charly Martin (FRA) e Barron Mamiya (HAW)

heat 2 / round 64: Nat Young (EUA), Liam O'Brien (AUS), Edgard Groggia

heat 4 / round 64: Matthew McGillivray (AFS), Michael Dunphy (EUA), Lucas Silveira

heat 8 / round 64: Jake Freestone (AUS), Jake Marshall (EUA), Mateus Herdy

heat 9 / round 64: Griffin Colapinto (EUA), Callum Robson (AUS), Samuel Pupo

heat 10 / round 64: Alex Ribeiro, Lucca Mesinas (PER), Beyrick De Vries (HOL)

heat 11 / round 64: Kelly Slater (EUA), Cam Richards (EUA), Wiggolly Dantas

heat 12 / round 64: Caio Ibelli, João Chumbinho, Nolan Rapoza (EUA)

heat 14 / round 64: Connor O'Leary (AUS), Shun Murakami (JAP), Jessé Mendes

heat 15 / round 64: Deivid Silva, Thiago Camarão, Alejo Muniz

feminino - heat 2 / round 48: Sarah Baum (AFS), Sophie McCulloch (AUS), Samantha Sibley (EUA) e Summer Macedo

feminino - heat 7 / round 48: Keala Tomoda-Bannert (HAW), Yolanda Hopkins (POR), Daniella Rosas (PER) e Silvana Lima

por @thiago_blum / @surf360_