PUBLICIDADE
Topo

Saque e Voleio

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Iga atropela Riske, vence 30º jogo seguido e vai à 3ª fase em Roland Garros

Reuters
Imagem: Reuters
Alexandre Cossenza

Alexandre Cossenza é bacharel em direito e largou os tribunais para abraçar o jornalismo. Passou por redações grandes, cobre tênis profissionalmente há oito anos e também escreve sobre futebol. Já bateu bola com Nadal e Federer e acredita que é possível apreciar ambos em medidas iguais. Contato: ac@cossenza.org

Colunista do UOL

26/05/2022 12h18

Campeã dos WTAs 1000 de Doha, Indian Wells, Miami e Roma, a polonesa Iga Swiatek, número 1 do mundo, segue mostrando por que é favoritíssima ao título de Roland Garros. Nesta quinta-feira, a jovem de 20 anos atropelou a americana Alison Riske (#43) por 6/0 e 6/2, anotando sua 30ª vitória consecutiva e avançando à terceira rodada do slam francês.

A série de triunfos de Iga é a maior do circuito feminino desde 2013, quando Serena Williams acumulou 34 vitórias consecutivas. Além dos quatro WTA 1000 citados acima, Swiatek também foi campeã do WTA 500 de Stuttgart e somou outras duas vitórias defendendo seu país na Copa Billie Jean King.

Campeã de Roland Garros em 2000, Iga enfrentará na próxima rodada a montenegrina Danka Kovinic (#95), que vem de vitória sobre a eslovaca Anna Karolina Schmiedlova (#92) por 6/3 e 7/5.

Como aconteceu

Depois de aplicar 6/2 e 6/0 sobre a ucraniana Lesia Tsurenko na estreia, Iga manteve o altíssimo nível de tênis e não ficou em quadra além do necessário. Impondo-se com excelentes devoluções e um jogo agressivo, mas com certa margem de segurança, a polonesa rapidamente abriu 4/0, sem dar chances à adversária. Riske não conseguia nem tomar a dianteira dos pontos nem sair da defesa para o ataque. Assim, em 20 minutos, Swiatek aplicou um pneu (6/0).

O 6/0 desta quinta foi o 15º aplicado por Iga nesta temporada (ela lidera a WTA no quesito), e por um tempo pareceu que a polonesa rumava para o 16º, mas Riske fez um belo quarto game no segundo set, salvou dois break points e finalmente saiu do zero quando Swiatek mandou uma devolução de backhand na rede. A torcida comemorou intensamente o primeiro game da americana, que ergueu o braço e finalmente sorriu. Riske ainda venceu mais um gamezinho quando confirmou seu saque no sexto game, mas já era tarde para tentar uma reação contra uma número 1 do mundo que seguiu ditando o ritmo dos pontos e executando seu plano de jogo à perfeição.

.

Quer saber mais? Conheça o programa de financiamento coletivo do Saque e Voleio e torne-se um apoiador. Com pelo menos R$ 15 mensais, apoiadores têm acesso a conteúdo exclusivo (newsletter, podcast e Saque e Voleio TV), lives restritas a apoiadores, além de ingresso em grupo de bate-papo no Telegram, participação no Circuito dos Palpitões e promoções imperdíveis como esta.

Acompanhe o Saque e Voleio no Twitter, no Facebook e no Instagram.