PUBLICIDADE
Topo

Djalminha

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

O importante é ganhar?

Jogadores do Palmeiras comemoram o título da Copa do Brasil - Lucas Figueiredo/CBF
Jogadores do Palmeiras comemoram o título da Copa do Brasil Imagem: Lucas Figueiredo/CBF
Djalminha

Djalminha jogou no Flamengo, no Palmeiras e na seleção brasileira. Após deixar os campos, virou comentarista. Hoje, comenta futebol na ESPN Brasil e, agora, no UOL.

Colunista do UOL

10/03/2021 09h26

Que o Palmeiras é um dos times mais vencedores do nosso país, apesar de os torcedores adversários sempre gostarem de frisar que não tem Mundial, todos nós sabemos. Mas não é disso que venho falar. O que gostaria de saber do torcedor é se esse time que acaba de ganhar Libertadores, Copa do Brasil e o Campeonato Paulista será lembrado como outros times que não conquistaram todos esses títulos, mas encantaram o torcedor.

É curioso, por exemplo, quando perguntamos: quem é o melhor jogador desse time? Eu diria Weverton. Um goleiro? Sim. Ou talvez Gustavo Gomez. Um zagueiro? Pois é isso mesmo. Não é um time de grandes craques, como outros de Ademir da Guia, Leivinha, Jorge Mendonça, Edmundo, Evair, Rivaldo e Alex, para citar alguns. Mas é um time extremamente bem arrumado taticamente, muito objetivo quando vai em busca do gol e com jogadores muito capazes de realizar tudo isso.

Então seria um timaço? Na minha modesta opinião não, porque esse time não me encantou em nenhum momento jogando futebol. Mas será que isso importa para você, torcedor palmeirense? O que você prefere? Os que te encantaram e não conquistaram ou o que não encantou mas conquistou?

Talvez eu nem tenha resposta para isso porque comemorei muito o tetra do Brasil em 1994 depois de 24 anos engasgado sem conquistar uma Copa do Mundo. Mas aquela seleção de 1982, ah, que seleção! Essa eu não esquecerei jamais. Que encanto!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL