PUBLICIDADE
Topo

Diogo Silva

Superioridade de Deiveson permite defesa de cinturão duas vezes em 21 dias

Deiveson Figueiredo exibe cinturão dos moscas do UFC - Jeff Bottari/Zuffa LLC via Getty Images
Deiveson Figueiredo exibe cinturão dos moscas do UFC Imagem: Jeff Bottari/Zuffa LLC via Getty Images
Diogo Silva

Diogo Silva foi campeão mundial universitário, medalhista de ouro dos Jogos Pan-Americanos e participou dos Jogos Olímpicos de Atenas-2004 e Londres-2012 no taekwondo. Hoje, faz parte do grupo de rap Senzala Hi-Tech.

16/12/2020 11h32

Em apenas 21 dias, Deiveson Figueiredo, dono do cinturão do peso mosca (até 56kg), fez duas defesas de cinturão no UFC. Sua última vitória foi contra o mexicano Brendan Moreno, em luta decidida pelos os árbitros em Las Vegas, no UFC 256 no último sábado.

Fazer uma defesa de cinturão requer treinamento especial, porque normalmente o adversário é alguém muito duro que está tentando levar o título para casa.

O período entre uma defesa e outra de cinturão para muitos lutadores demora entre seis meses e um ano, mas para Figueiredo levou apenas três semanas.

Em partes é devido a sua superioridade no octógono. Na sua primeira defesa de cinturão contra o americano Alex Peres, no UFC 255, ele precisou de apenas um minuto e 57 segundos do primeiro round para vencer com uma guilhotina e finalizar a luta sem nenhum arranhão. O segundo desafiante foi o mexicano Brendan Moreno, o melhor concorrente contra Figueiredo no peso mosca até hoje.

Muitas pessoas não sabem que um lutador do peso leve como Figueiredo precisa cortar muito peso. Isso significa que em três semanas o brasileiro precisou emagrecer muito duas vezes e, contra o mexicano, o corpo já deu o aviso.

Figueiredo foi hospitalizado poucas horas depois da pesagem, antes da disputa, com dores abdominais e cólicas. Normalmente esses sintomas aparecem depois das primeiras refeições. O corte de água e de comida em um período muito curto causa diarreias, náuseas e cólicas e deixa o corpo ainda mais debilitado.

Depois que a Usada (agência de doping dos Estados Unidos) proibiu o uso de soro intravenoso em quantidade acima de 50 ml para reidratação após a pesagem em 2012, os lutadores, que se beneficiavam de uma boa recuperação após perderem muito peso, passaram a se sacrificar mais.

O lutador perde peso para obter vantagens de força e envergadura em uma categoria mais leve. E muitos deles ganham até oito quilos no primeiro dia após a pesagem.

Incrivelmente depois do sufoco estomacal, Deiveson subiu no octógono com a mesma gana de sempre. No primeiro round, o brasileiro e o mexicano não economizaram e foram para a trocação franca. Figueiredo é sempre muito apetitoso, lembrando em partes o russo Khabib Nurmagomedov, que impõem um volume surpreendente de golpes já no primeiro round.

A maioria das lutas de Figueiredo acaba entre o primeiro e o segundo round. Eu ainda não tinha visto ele lutando cinco rounds completos. Mas o mexicano obrigou o brasileiro a completar os cinco rounds de muita pancadaria.

A escola de boxe mexicana, uma das melhores do mundo, já é um aviso em quesito de enfrentamento. Moreno representou até o fim e levou a luta para a decisão dos árbitros.

Figueiredo venceu o confronto por pontos e manteve o cinturão do peso mosca no Brasil. E já avisou ao chefe Dana Whaite, que fica disponível para uma revanche contra o mexicano, mas para isso, precisa de um descanso merecido.