PUBLICIDADE
Topo

Presidente do Corinthians diz que basquete do clube será "interrompido"

Corinthians voltou a ter uma equipe de basquete no começo de 2018 - Divulgação/NBB
Corinthians voltou a ter uma equipe de basquete no começo de 2018 Imagem: Divulgação/NBB

Do UOL, em São Paulo

07/05/2020 00h27

O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, afirmou na noite de ontem (6) que o basquete do clube será "interrompido" diante da crise gerada pela pandemia no novo coronavírus e o cancelamento da edição 2019/2020 do NBB.

Em entrevista à Corinthians TV, o mandatário corintiano afirmou que a maior parte dos contratos chegará ao fim este mês. Sem campeonato, segundo o dirigente, eles não serão renovados.

"O único que vamos interromper é o basquete. Todos os contratos acabam agora em maio. O NBB disse que não vai ter campeonato este ano. Então, infelizmente, não vamos poder renovar. Cortando salário de um e de outro. Não vou renovar um contrato de um campeonato que não vem pela frente. Agora o resto vai continuar", afirmou Andrés.

Vale lembrar que, ao contrário de outras modalidades, o basquete tem um calendário distinto, com início no meio do ano.

Campeão brasileiro quatro vezes, o basquete do Corinthians voltou à ativa no começo de 2018, ano em que Andrés voltou à presidência. Depois de conquistar a Liga Ouro, a equipe obteve a vaga no NBB.

Na edição 2018/2019, passou aos playoffs, venceu o duelo de oitavas de final, mas acabou eliminado pelo Flamengo nas quartas. No Campeonato Paulista 2019, chegou à final depois de 34 anos, mas perdeu o título para o Franca. No mesmo ano, foi vice-campeão da Liga Sul-Americana.

Basquete