PUBLICIDADE
Topo

Honda CR-V tem bom motor e conjunto, mas sofre com preço alto e câmbio CVT

Do UOL, em São Paulo

21/06/2021 04h00

A Honda apresentou a primeira reestilização da quinta geração do CR-V no Brasil ainda como linha 2021. O modelo chega às lojas com leve alterações aos visual, tanto na dianteira quanto na traseira. Mudaram para-choques, faróis de neblina, grades e saídas de escapamento. Há também novos equipamentos.

O modelo manteve o conjunto mecânico com motor 1.5 turbo de 190 cv e 24,5 mkgf. Apesar dos bons números do propulsor, o calcanhar de Aquiles do rival do Toyota RAV4 está no câmbio automático do tipo CVT que acaba reduzindo as respostas e o desempenho do propulsor que é o mesmo usado no Honda Civic Touring.