Como é a nova água que promete até melhorar a saúde do seu carro

De tempos em tempos produtos milagrosos para carros surgem e são adotados por mecânicos. Mas nem sempre são eficazes.

Em um vídeo publicado nas redes sociais, um reparador diz que agora só usava a água fosfatada e que, inclusive, isso poderia substituir o aditivo.

Para comprovar a eficácia, colocou uma palha de aço dentro de uma garrafa com água mineral, que logo apresentou corrosão, e outra com a água fosfatada, sem sinais de ferrugem.

Recomendação é seguir o manual

O mesmo efeito anticorrosivo é atingido por água desmineralizada comum, as que são recomendadas por alguns fabricantes. O líquido deve ser diluído em aditivo de etilenoglicol, que eleva o ponto de ebulição da água, ou seja, não deixa ferver.

Não há conhecimento da aplicação desse produto e nem recomendação dos fabricantes, tanto de veículos quanto de sistema de arrefecimento" Everton Lopes, mentor em Energia a Combustão da SAE Brasil

Segundo Lopes, os fabricantes recomendam o uso do aditivo misturado com a água sem minerais, como cálcio e sódio.

"Você tira esses elementos e aplica junto ao aditivo para promover não só a questão anticongelamento, mas também toda a parte anticorrosivo", diz.

O especialista ressalta que o importante é seguir o que está no manual do veículo sem variações, que podem causar problemas, já que os produtos devem ser testados de maneira correta.

Continua após a publicidade

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.

*Matéria publicada em 05/06/2023

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes