PUBLICIDADE
Topo

Novo Honda Civic: veja prós e contras diante de Corolla e futuros rivais

Do UOL, em São Paulo (SP)

18/11/2020 04h00

Resumo da notícia

  • 11ª geração do sedã estreia nos Estados Unidos em 2021
  • Protótipo exibe linhas mais tradicionais e que até lembram rivais
  • Carro terá assistências de condução de série em todas as versões

A Honda apresentou ontem (17) o protótipo que antecipa o novo Civic. Com lançamento previsto para 2021, o sedã terá estilo mais conservador do que o modelo atualmente vendido no Brasil.

Em contrapartida, o modelo (que ainda não está confirmado para cá) promete vir com mais tecnologia e itens de série.

Diante disso, UOL Carros imagina como será o embate entre o novo Honda Civic e seus futuros rivais.

Design

Civic 2022 - Divulgação - Divulgação
Lanternas perderam formato de bumerangue
Imagem: Divulgação

Como já dissemos, o Civic ficou um pouco mais "careta" na nova geração. O estilo ousado do carro atual foi substituído por linhas mais tradicionais, que podem agradar uma parcela maior de consumidores.

A dianteira traz muito da 10ª geração em elementos como a frente "bicuda" e até no formato dos faróis. Atrás, as lanternas em formato de bumerangue foram substituídas por um conjunto óptico mais convencional.

Ao trazer de volta as lanternas "recortadas" pela tampa do porta-malas, o Civic ficou bem parecido justamente com um de seus maiores rivais: o Toyota Corolla. Além disso, olhando o modelo de traseira é possível notar alguma semelhança com o VW Jetta.

Os dois modelos, aliás, serão concorrentes do Civic em diversos mercados, como nos Estados Unidos - e aqui no Brasil, caso a Honda decida vendê-lo aqui.

Itens de série

Civic 2022 2 - Divulgação - Divulgação
Cabine terá estilo mais minimalista
Imagem: Divulgação

Por ainda ser um protótipo, muita coisa do Civic pode (e deve) mudar antes de seu lançamento. Entretanto, a Honda já antecipou alguns detalhes do sedã.

Segundo a fabricante, o carro terá painel 100% digital e uma nova central multimídia com tela tátil de 9 polegadas. Atualmente, o Jetta é o único sedã médio vendido no Brasil a trazer painel digital - e apenas nas versões mais caras.

Todas as versões do Civic norte-americano terão o Honda Sensing, pacote de assistências de condução que não está presente no Civic brasileiro.

Sendo assim, podemos esperar itens como alerta de colisão frontal, sistema de frenagem autônoma de emergência, câmera com visão lateral (este, sim, oferecido no modelo atual) e alerta de permanência em faixa, entre outros equipamentos.

Preços

Civic 2022 3 - Divulgação - Divulgação
Valores do Civic não devem sofrer grandes reajustes
Imagem: Divulgação

A Honda ainda não confirmou a venda do novo Civic no mercado brasileiro. O problema é que a fabricante também não revelou os preços do modelo nos Estados Unidos.

Podemos, porém, tomar como base os valores do modelo atual, que parte de US$ 21,050 na versão de entrada LX e chega aos US$ 28.100 na configuração Touring. A imprensa especializada local aposta que a Honda pode manter os preços na 11ª geração ou, na pior das hipóteses, promover um aumento mais discreto.

Motorizações

A Honda ainda não revelou detalhes mecânicos do novo Civic, mas afirmou que o carro será mais potente e mais econômico.

É quase certo que o motor 1.5 turbo atualmente oferecido em vários mercados deve permanecer na nova geração. Por aqui, ele entrega 173 cv e torque máximo de 22,4 kgfm, mas roda apenas com gasolina.

Em contrapartida, não há definição sobre o futuro do 2.0 de quatro cilindros, que também está presente nos Estados Unidos.

Certo mesmo é o fim da carroceria cupê. Assim, o Civic será vendido nos EUA apenas nas versões sedã e hatch.