PUBLICIDADE
Topo

Tesla disponibiliza versão beta de sistema de direção autônomo melhorado

Tesla Full Self-Driving - Divulgação
Tesla Full Self-Driving Imagem: Divulgação

Do UOL

Em São Paulo (SP)

23/10/2020 09h59

A Tesla lançou em versão de testes para seus clientes o sistema Full Self-Driving, que deixa o carro podendo de maneira autônoma mudar de faixa, ir para a saída de rodovias e também atravessar alguns cruzamentos. No momento, o sistema só funciona com os motoristas deixando as mãos no volante.

Além disso, os motoristas selecionados para a receber o sistema beta foram descritos pela Tesla como "especialistas cuidadosos". Com isso, a montadora espera fugir de acidentes.

Apesar de tudo, a Administração Nacional de Segurança de Tráfego Rodoviário (NHTSA) nos Estados Unidos revelou que "irá monitorar a nova tecnologia de perto" e "não hesitará em tomar medidas para proteger o público contra riscos irracionais à segurança", segundo informou à agência Reuters.

A decisão da NHTSA deixou descontente empresas de tecnologia e montadoras, incluindo a SAE International, que diz que "os testes em estradas públicas são uma responsabilidade séria e usar consumidores não treinados para validar software de nível beta em estradas públicas é perigoso e inconsistente com as diretrizes e normas da indústria existentes".

De acordo com o CEO da Tesla, Elon Musk, o beta permitirá que a fabricante colete bons dados para aprimorar o sistema. O Full Self-Driving pode ser lançado ainda neste ano, com um preço que aumentou em US$ 2 mil frente ao pacote autônomo atual, indo de US$ 8 mil (R$ 44 mil) para US$ 10 mil (R$ 55 mil).