PUBLICIDADE
Topo

Musk pagou 10 mil vezes mais caro em carro de 007 que inspirou Cybertruck

Lotus Esprit do filme "007 - O Espião Que Me Amava" - Divulgação
Lotus Esprit do filme "007 - O Espião Que Me Amava" Imagem: Divulgação

Do UOL

Em São Paulo (SP)

05/12/2019 10h58

Um Lotus Esprit, feito em 1976, foi um dos carros quer inspirou Elon Musk a idealizar o novo e polêmico Tesla Cybertruck. E isso foi revelado pelo próprio CEO da Tesla durante a apresentação de seu mais novo modelo.

O carro marcou época por seu visual, mas também por ter se tornado uma espécie de carro-subaquático no filme 007 - O Espião Que Me Amava (1977). Musk, por sinal, tem um dos oito Esprits utilizados no filme, que, no caso, é o único que fez cenas embaixo d'água.

Entretanto, uma história curiosa foi descoberta sobre a compra de MUsk pela CNBC recentemente. Originalmente, um casal havia arrematado o carro por apenas US$ 100 (aproximadamente US$ 421 na conversão atual) em um leilão às cegas em Nova York em 1989.

Após terem adquirido um pedaço da história de Hollywood por um preço irrisório, em 2013, o mesmo casal vendeu o veículo a um comprador secreto por US$ 997 mil (cerca de R$ 4,2 mi na conversão atual). O comprador secreto era ninguém menos que Elon Musk.

Depois de adquirir o carro, Musk disse que colocaria nele uma unidade motriz da Tesla e tentaria fazê-lo se transformar de um carro de rua em um mini submarino, como acontecia no filme.

Musk nunca mais falou no assunto, mas quem sabe o fato de esta história vir a público possa fazê-lo pensar em retomar o projeto.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.