PUBLICIDADE
Topo

Na Garagem


Mitsubishi L200 sem airbags recebe zero em teste de colisão do Latin NCAP

Teste de colisão do Mitsubishi L200 - Divulgação
Teste de colisão do Mitsubishi L200 Imagem: Divulgação

Do UOL

Em São Paulo (SP)

04/12/2019 14h40

A picape Mitsubishi L200 foi testada pelo Latin NCAP e o resultado foi o pior possível. O modelo 2019 ficou com zero em proteção para adultos nos testes de colisão e com apenas dois em proteção para crianças.

O veículo foi mal no teste por não ter airbags e por não possuir controle eletrônico de estabilidade. Vale ressaltar que essa configuração não é comercializada no mercado brasileiro, onde todas as versões da L200 trazem pelo menos os dois airbags dianteiros.

"O resultado do L200 é assustador, especialmente para uma marca japonesa líder na fabricação de automóveis como a Mitsubishi", afirmou o secretário-geral do Latin NCAP, Alejandro Furas.

"É uma grande decepção para os consumidores do Latin NCAP e da América Latina, e questiona a ética das montadoras quando se trata de consumidores na América Latina. O L200 em mercados como a Europa, onde oferece 7 airbags e controle eletrônico de estabilidade (ESC) como padrão, entre outros recursos de segurança."

O órgão ainda condenou a fala de um comprador não identificado que afirmou que "airbags não são necessários no L200 porque a estrutura é robusta".

Após o desastre no teste, a Mitsubishi se comprometeu a aumentar a segurança da picape, com a adição de dois airbags dianteiros e cintos de segurança com pré-tensores e limitadores de carga.

Mesmo assim, o Latin NCAP espera obter apenas duas estrelas de proteção para adultos, pois ainda não haverá proteção lateral para a cabeça, proteção para pedestres e controle de estabilidade.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.

Na Garagem