PUBLICIDADE
Topo

Volkswagen T-Cross terá pré-venda; preço deve partir de R$ 90 mil

Salão do Automóvel: Como é o Volkswagen T-Cross

UOL Carros

Alessandro Reis

Do UOL, de São Paulo

18/02/2019 14h32

Concessionários da Volkswagen consultados por UOL Carros confirmaram que o T-Cross, novo SUV compacto da marca alemã derivado do Polo, terá pré-venda durante esta terça-feira (19), limitada a 800 unidades.

Uma vendedora consultada pela reportagem, de uma autorizada da capital paulista, informa que o utilitário esportivo terá nessa fase preço inicial de R$ 90 mil, referente à versão de entrada 1.0 TSI com câmbio manual. O lançamento oficial do modelo será em abril, quando as primeiras unidades serão entregues.

"Os interessados precisam preencher um cadastro e enviar cópia da CNH e do comprovante de endereço. Nos dias seguintes, a Volkswagen enviará ao cliente um boleto para pagamento do sinal, que será de R$ 5.000", afirma a vendedora.

Ainda de acordo com a profissional, o T-Cross também estará disponível nessa pré-venda nas versões Comfortline 1.0 TSI com transmissão automática de seis marchas e na Highline, sempre equipada com motor 1.4 turbo de 150 cv e câmbio automático. Essa opção mais cara, no entanto, ainda não tinha o preço definido na ocasião da entrevista.

Quem comprar o modelo na pré-venda será presenteado com brindes. A versão Comfortline virá com um cooler, enquanto clientes da Highline ganharão um cooler e uma bicicleta dobrável.

Nossa fonte também diz que, nessa etapa, o utilitário esportivo terá oito opções de cor: branca e preta, as únicas sólidas, e as metálicas prata, cinza, vermelha, azul, laranja e bronze, essas últimas a um custo adicional, ainda não informado aos concessionários - a título de comparação, o sedã Virtus, também da Volks, hoje agrega cerca de R$ 1.600 ao preço final por conta da pintura metálica.

Além disso, todas as versões poderão ser equipadas opcionalmente com teto solar, inclusive a mais barata, de acordo com a profissional.

Procurada pela reportagem de UOL Carros, a assessoria de imprensa da Volkswagen afirmou que não se manifestará no momento e que qualquer informação referente ao carro é de responsabilidade da rede de concessionárias.