PUBLICIDADE
Topo

Novo Tracker vai de último para 7º; veja ranking dos porta-malas dos SUVs

Rodrigo Mora

Colaboração para o UOL

11/03/2020 04h00

Tamanho de porta-malas nunca foi o forte do Chevrolet Tracker. Os 306 litros do bagageiro da geração anterior frustravam aqueles que se empolgavam com atributos como visual, desempenho e dirigibilidade, mas precisavam de um compartimento capaz de levar algo mais do que as compras do mês. Mesmo um mero jogo de malas para uma viagem de fim de semana ia espremido ali.

Agora com 393 litros, o competidor da Chevrolet entre os SUVs compactos saltará da última para a sétima posição entre os 14 modelos do segmento. Além de maior, o porta-malas do novo Tracker poderá ter sua base ajustada em dois níveis.

A capacidade obtida com exclusividade por UOL Carros se refere à posição mais baixa, padrão. A mais alta serve para se alinhar com o rebatimento do encosto do banco traseiro, criando assim uma base plana propícia para o transporte de objetos longos.

A nova geração do Chevrolet Tracker será o primeiro grande lançamento da marca em 2020. Projetado na China, o carro é o terceiro fruto da nova família GEM (de Global Emerging Markets, ou Mercados Emergentes Globais), da qual também fazem parte os novos Onix e Onix Plus - que emprestarão ao SUV o motor 1.0 turbo (116 cv e 16,3/16,8 kgfm de torque) na versão de entrada. Na versão topo estará um 1.2 turbo, de 132/135 cv e 19,1 kgfm de torque.

O lançamento oficial será nos próximos dias 18 e 19.

Veja o ranking dos porta-malas dos SUVs compactos

  • JAC T50: 600 litros

  • Renault Duster: 475 litros

  • Honda HR-V: 437 litros

  • Renault Captur: 437 litros

  • Nissan Kicks: 432 litros

  • Hyundai Creta: 431 litros

  • Chevrolet Tracker: 393 litros

  • VW T-Cross: 373 litros

  • Ford EcoSport: 356 litros

  • Peugeot 2008: 355 litros

  • CAOA Chery Tiggo 5: 340 litros

  • Citroën C4 Cactus: 320 litros

  • Jeep Renegade: 320 litros

lançamentos e mercado