Primeira Classe

Primeira Classe

Siga nas redes
Só para assinantesAssine UOL
OpiniãoCarros

HB20 x Onix x Polo: qual será o carro de passeio mais vendido em 2023?

O segmento de hatches compactos já foi o mais importante do Brasil em número de modelos na categoria e vendas. O veículo com mais anos de liderança de emplacamentos na história do País é o Gol. Quando o VW foi superado, veio o reinado do Chevrolet Onix.

Mas tudo mudou no final de 2020, com a pandemia de covid-19. O Onix ainda conseguiu liderar naquele ano, mas perdeu o primeiro lugar para a Strada em 2021. A picape da Fiat manteve o posto em 2022, e vai repetir o feito em 2023.

Além disso, os hatches compactos perderam relevância também como categoria de carro. Atualmente, o segmento que concentra o maior número de vendas somadas, e de modelos, é o de SUVs compactos.

Porém, três modelos da categoria ainda têm protagonismo e brigam pelo posto de vice-líder de emplacamentos do mercado brasileiro. E, como a Fiat Strada é comercial leve, quem garantir essa posição também será o carro de passeio mais vendido do Brasil em 2023. Os postulantes ao título são HB20, Onix e Polo. Ou melhor: Onix e Polo.

O Hyundai parecia ser um nome óbvio nessa disputa. Afinal, foi o vice-líder do Brasil - e carro de passeio mais vendido - tanto em 2021 quanto em 2022. Mas, neste ano, não conseguirá entrar a briga.

A poucos dias do encerramento de 2023, ele teria de somar mais 14 mil unidades emplacadas em dezembro para conseguir o feito. Isso na hipótese de nem Onix nem Polo venderem um único exemplar - o que já não ocorreu, de acordo com números parciais de dezembro divulgados pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores.

O histórico de cada um

O ano começou bom para o Onix. Após ver o HB20 triunfar por dois anos seguidos, o ex-líder foi o hatch compacto mais vendido do Brasil no começo de 2023. Liderou em janeiro, fevereiro e março.

O HB20 obteve a liderança em abril, mas seu triunfo acabou por aí. Em maio, deu Polo. O Volkswagen repetiu o feito em junho e julho, quando foi além: nesses dois meses, conseguiu também ser o veículo mais vendido do Brasil, superando a Strada.

Continua após a publicidade

Porém, em agosto o Onix voltou a liderar o segmento. Com isso, cortou o ímpeto do Polo e manteve a disputa viva. Mas o Volkswagen voltou a se dar bem em setembro, outubro e novembro.

O que ocorreu em maio, para o Polo renascer e alcançar postos que nunca havia atingido antes (de vice-líder de mercado e primeiro colocado entre os carros de passeio e hatches compactos)? O lançamento da versão Track, substituta do Gol, este agora fora de linha.

Na verdade, o Polo vinha em plena decadência no mercado até pouco mais da metade do ano passado. Então, foi lançada sua versão reestilizada, e levemente rebaixada no posicionamento de mercado. Ficou mais barata, mas também perdeu potência no motor 1.0 turbo e os freios a disco atrás.

Ali, o Polo já começou a reagir, e voltou a ser relevante no mercado de carros. Mas foi mesmo a chegada da versão Track, já em 2023, que levou o VW à posição que, se confirmada, será inédita para o produto.

As chances de cada um

De janeiro a novembro, o HB20 somou 79.278 unidades vendidas. Para ele, já era. Ficará mesmo na terceira posição tanto entre os hatches compactos quanto no ranking dos carros de passeio. Já a disputa entre Polo e Onix está aberta.

Continua após a publicidade

No mesmo período, o VW tem 93.246 unidades emplacadas, pouco mais de 2 mil exemplares de vantagem ante o Onix, com 91.204. A diferença pode parecer grande. Mas, em um segmento de alto volume, até daria para descontar.

Por que daria? É que em dezembro o Polo está disparado em vendas, à frente até da Strada. Entre os dias 1 e 5 deste mês, somou 4.085 emplacamentos. O Onix? 1.360. Assim, o VW já tem, apenas neste mês, mais do que a vantagem que o Chevrolet precisaria para derrotá-lo ao final do ano.

Essa vantagem quer dizer que a parada está decidida? Não necessariamente. Afinal, o mês acaba de começar. Além disso, há o exemplo de novembro, quando o HB20 disparou na frente nos primeiros dias. Só que, depois, o Hyundai perdeu ímpeto, e acabou sendo superado pela Strada e pelo Polo.

Porém, essa vantagem inicial é sim muito importante. Mesmo que não garanta a liderança do Polo em dezembro, deve assegurar esse posto ao modelo no fim do ano. Isso porque ela torna praticamente impossível para o Onix, além de alcançar o VW, ainda abrir uma margem extra de mais de 2 mil exemplares.

Então, o bom início de dezembro pode ter garantido ao Polo o posto de hatch médio e carro de passeio mais vendido em 2023. E, como o T-Cross também deve vencer a disputa (contra Tracker e Creta) entre os SUVs compactos, a VW caminha para se tornar a grande vencedora do ano - dominando os dois mais importantes segmentos de carros no Brasil.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.

Opinião

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes