PUBLICIDADE
Topo

Infomoto

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Harley mostra nova moto de entrada que vem ao Brasil; veja os detalhes

Nova Nightster substitui a Sportster como porta de entrada para as motos da marca norte-americana e deve chegar aqui em 2023 - Divulgação
Nova Nightster substitui a Sportster como porta de entrada para as motos da marca norte-americana e deve chegar aqui em 2023 Imagem: Divulgação
Conteúdo exclusivo para assinantes
Arthur Caldeira

Arthur Caldeira, jornalista e motociclista (necessariamente nessa ordem) fundador da Agência INFOMOTO. Mesmo cansado de ouvir que é "louco", anda de moto todos os dias no caótico trânsito de São Paulo.

Colunista do UOL

20/04/2022 04h00

A Harley-Davidson apresentou, na última semana, a nova Nightster. O modelo, inspirado na aposentada linha Sportster, servirá como porta de entrada para as motos da marca norte-americana. Equipada com um motor de dois cilindros em "V" de 975 cm³, a Nightster virá ao Brasil em 2023, confirmou a subsidiária brasileira da Harley.

O motor que equipa a nova Nightster é, na verdade, uma versão de menor capacidade do motor Revolution Max, usado na aventureira Pan America e também na Sportster S, com 1.250 cc e 150 hp.

Na nova moto, porém, o V2 manteve o arrefecimento líquido e o comando de válvulas no cabeçote, mas tem apenas 975 cm³ de capacidade e produz 90 cavalos de potência máxima a 7.500 rpm.

Motor Nightster - Divulgação - Divulgação
Nightster tem motor V2 com arrefecimento líquido que produz 90 cv de potência máxima
Imagem: Divulgação

A nova Nightster combina o design clássico do modelo Sportster com bom desempenho do novo motor, batizado de Revolution Max 975T, e recursos eletrônicos atuais para atrair uma nova geração de harleiros, segundo a marca. Além do sistema de freios ABS, a nova Nightster conta com controle de tração e três modos de pilotagem.

"Ao se inspirar no legado de 65 anos da Sportster, a Nightster fornece uma tela em branco para a criatividade e a personalização, oferecendo uma plataforma de expressão para novos e experientes pilotos", declarou Jochen Zeitz, Chairman, Presidente e CEO da Harley-Davidson.

Como é a nova Nightster

Apesar das novas tecnologias, a Nightster manteve a proposta de ser uma Harley ideal para o uso urbano, mas também para viagens médias em estradas sinuosas - pois seu tanque tem apenas 11,7 litros de capacidade. As pedaleiras centralizadas e o guidão baixo proporcionam uma posição de pilotagem centralizada e confortável, de acordo com a marca.

Nightster movimento  - Divulgação - Divulgação
H-D Nightster herdou posição de pilotagem e estilo das antigas Sportster
Imagem: Divulgação

A altura do assento, de 70,6 cm do solo, combinada com seu perfil esguio torna possível para a maioria dos pilotos colocar os pés no chão com confiança em uma parada. Reforçando assim sua vocação de ser o modelo de entrada da Harley.

O chassi tem o motor V2 como componente estrutural, o que ajuda a reduzir o peso. Segundo a Harley, a nova Nightster pesa 218 kg em ordem de marcha.

As suspensões usam garfo telescópico convencional Showa com tubos de 41 mm de diâmetro, na dianteira, mas sem regulagem. Já a balança traseira conta com sistema bichoque (dois amortecedores), com ajuste na pré-carga da mola. As rodas são de liga-leve, aro 19, na dianteira, e 16, na traseira.

Mercado

Quando a Harley-Davidson apresentou a Sportster S, em junho do ano passado, decepcionou os fãs que esperavam um modelo mais acessível. Afinal, a nova Sportster S usa o motor Revolution Max de 1250 cc e custa 15.499 dólares (cerca de R$ 72 mil).

Nova Nightster preço - Divulgação - Divulgação
Nos Estados Unidos, novo modelo de entrada da Harley chega às lojas agora em abril com preço de R$ 62 mil
Imagem: Divulgação

Já a nova Nightster, que chega às concessionárias Harley-Davidson nos Estados Unidos e Europa já neste mês, tem preço sugerido a partir de US$ 13.499 (cerca de R$ 62 mil) no mercado norte-americano. Caso chegue por aqui nesse valor, será bem mais competitiva do que a Low Rider S, a Harley mais em conta à venda atualmente no Brasil, por R$ 104.100.