Autos Segredos

Autos Segredos

Siga nas redes
ReportagemCarros

Novo ônibus elétrico que rodará por SP em 2024 já é feito; confira detalhes

Produzido pela Mercedes-Benz em sua fábrica de São Bernardo do Campo (SP), o chassi de ônibus elétrico eO500U ganhará as ruas de São Paulo no começo de 2024. A marca alemã já vendeu 50 unidades para três operadores, das quais 25 já foram entregues e o restante será entregue até o fim de 2023.

Os primeiros compradores são as empresas Metrópole Paulista que arrematou 40 unidades, a MobiBrasil oito chassis e a Sambaíba dois coletivos. Juntas, as três empresas têm planos de comprar mais 500 unidades para operarem na capital paulista.

A produção local do chassi também permite sua aquisição via Finame em linha de crédito do BNDES.

chassi de ônibus elétrico Mercedes-Benz eO500U
chassi de ônibus elétrico Mercedes-Benz eO500U Imagem: Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

As primeiras 50 unidades já vendidas foram encarroçadas com carroceria Caio Millenium. O chassi elétrico eO500U é um Padron 4x2 de piso baixo, apto a receber carroçarias de até 13,2 metros.

O chassi de ônibus elétrico eO500U pode receber até seis packs de baterias que oferecem uma autonomia de até 250 quilômetros, isso em dias de operações severas com muito calor.

O custo de aquisição do Mercedes-Benz eO500U é três vezes maior que um similar movido a diesel, no entanto, o custo de recarga é três vezes menor quando comparado ao abastecimento com diesel.

Os motores do chassi elétrico Mercedes-Benz ficam instalados nos cubos de roda traseiro. Já as baterias, ficam divididas na parte traseira e depois de encarroçado, outras podem ser instaladas no teto.

Para o usuário e o motorista, a vantagem é o silêncio à bordo.

Continua após a publicidade
chassi de ônibus elétrico Mercedes-Benz eO500U
chassi de ônibus elétrico Mercedes-Benz eO500U Imagem: Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

Produção brasileira

O chassi de ônibus elétrico Mercedes-Benz eO500U é produzido na fábrica da marca em São Bernardo do Campo (SP) na mesma linha dos modelos a diesel.

Com uma linha em "Y", uma parte recebe os chassis parafusados com motor dianteiro e a outra perna recebe os chassis soldados com motores diesel ou elétricos.

Isso permite à Mercedes-Benz uma flexibilização maior da produção da marca alemã. Já que pode direcionar sua produção de acordo com a demanda.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.

Reportagem

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes