PUBLICIDADE

Topo

Começou o inverno! Veja o que fazer para cuidar da saúde no dia a dia

Os dias frios, comuns no inverno, colaboram para o aumento de doenças respiratórias - Getty Images
Os dias frios, comuns no inverno, colaboram para o aumento de doenças respiratórias Imagem: Getty Images

Carol Fiacadori

Colaboração para o VivaBem

24/06/2021 04h00

Não é novidade que as baixas temperaturas são um verdadeiro convite às doenças respiratórias. Porém o clima ameno não é, necessariamente, o responsável pela queda do nosso sistema imunológico, como reforça Tomás Filipe Pellegrini, otorrinolaringologista e CEO da Medlink Tecnologia. Segundo o médico, não há nenhuma evidência científica de que o frio diminui a imunidade, ou seja, ele não é capaz de enfraquecer as nossas células de defesa.

No entanto, ele salienta que, durante o inverno, é normal que as alergias e rinites se sobressaiam. "Nós evidenciamos um aumento da incidência de doenças respiratórias em especial, porque o frio é um fator que tende a piorar quadros de alergias - seja respiratória do pulmão ou do nariz. No inverno, existe uma chance de você enfrentar quatros como uma asma ou rinite descompensada". Tomás diz ainda que quadros alérgicos causam incômodos e também aumentam a quantidade de secreção que há nas vias respiratórias.

Inclusive, segundo o otorrinolaringologista, esse aumento, caso seja de forma incessante, deve ser observado. "A secreção parada, se não for tratada, torna-se um reservatório de um ambiente propício para a proliferação de micro-organismos, em especial bactérias". "Isso tende a facilitar o desenvolvimento de uma pneumonia bacteriana, por exemplo", alerta.

Além das baixas temperaturas, a poluição de grandes centros - como São Paulo, por exemplo - também pode agravar os sintomas durante o inverno. Segundo a infectologista Renata Bortoleto, o clima ameno normalmente é acompanhado pelas secas regionais, ou seja, a falta de chuvas tende a piorar a umidade do ar e faz novos sintomas respiratórios aparecerem. "Tudo isso junto pode favorecer as infecções e, com o frio, a nossa tendência é ficar em locais mais fechados - o que favorece a propagação de vírus de microorganismos respiratórios, já que são transmitidos de pessoa para pessoa".

Como se proteger

Os cuidados durante as baixas temperaturas são inúmeros, mas o médico Tomás Pellegrini reforça há alguns passos que são essenciais, como lavar o nariz com soro para manter a umidade da mucosa nasal. "Essa limpeza pode remover as substâncias que causam infecção e é uma medida que funciona como prevenção".

Além das limpezas preventivas, tanto Pellegrini quanto a infectologista Renata Bortoleto, reforçam a importância da umidificação do ar. "Ao longo do dia, utilize um pulverizador ou um umidificador de ar, pois ele pode diminuir a chance de você desenvolver uma descompensação de um quadro alérgico nasal", diz o otorrinolaringologista.

Renata salienta que é importante manter os ambientes bem ventilados e, devido ao tempo seco, fora a umidificação terceira do ar, se manter hidratado e ingerir bastante líquido - água, de preferência. Além dos cuidados nasais, a infectologista reforça que cuidar de outros órgãos do corpo também é extremamente importante. "Hidrate os olhos, o nariz e a pele. Tudo isso ajuda a manter uma boa saúde, bem como uma alimentação saudável".

Além disso, a médica reafirma alguns cuidados são essenciais e que a convivência com a covid-19 nos ensinou melhor. "Quando estamos com sintomas respiratórios ou mesmo quando não estamos, devemos seguir a etiqueta respiratória e cobrir a boca e o nariz ao espirrar com a dobra do cotovelo ou com um lenço". "É importante higienizar as mãos com frequência e utilizar máscaras em ambientes públicos".

Em relação às atividades físicas, Renata relembra que os horários mais quentes, entre onze da manhã e quatro da tarde, não são os mais adequados. "Nesse período, quando os dias estão mais secos, a umidade do ar tende a piorar e pode afetar diretamente as vias respiratórias".

Cuide da imunidade

Ainda que a imunidade não diminua efetivamente pelas baixas temperaturas, o endocrinologista e nutrólogo, Guilherme Renke, reforça que é importante manter uma dieta saudável para que seu sistema defensivo aja conforme necessário. "O sistema imunológico é o sistema de vigilância do corpo, que trabalha 24 horas por dias e é o responsável por identificar e eliminar vírus e bactérias que o deixam doente". "Ele é composto por vários órgãos, células e proteínas - incluindo a pele, córneas, mucosa, trato gastrointestinal e sistema linfático".

Para cuidar desse sistema, é importante estar atento à qualidade de vida. Para Renke, há diversos suplementos no mercado que podem ajudar a melhorar a saúde imunológica, porém, eles não são substitutos de uma vida saudável. "Manter uma dieta balanceada, dormir o suficiente, praticar atividades físicas regulares e não fumar são algumas das maneiras mais importantes de ajudar a manter o sistema imunológico saudável e reduzir as chances de infecção e doença", explica o nutrólogo. "Desenvolver um sistema imunológico forte enquanto você está saudável pode sustentar seu corpo enquanto ele se familiariza com o novo vírus no caso de você ficar doente".

Para o nutrólogo, a vida saudável é uma soma de fatores. O primeiro passo é apostar em uma dieta balanceada e fazer exercícios regularmente. "Isso melhora até o seu humor", brinca Renke. O médico também reforça que dormir adequadamente é importante, já que o sono insatisfatório diminui os níveis de energia e também pode diminuir o sistema imunológico. "Além disso, tente encontrar maneiras saudáveis de lidar com o estresse. Alguns eficazes incluem exercícios como ioga, meditação ou qualquer hobby que você goste".

Cuide da alimentação

Como Guilherme Renke ressaltou, há uma infinidade de suplementos disponíveis em farmácias e mercados, mas os melhores auxiliares para uma vida saudável são os próprios alimentos. Para a nutricionista Luciana Harfenist, é possível investir em uma dieta balanceada apenas com ingredientes naturais, como, por exemplo: frutas cítricas, alho, brócolis, frutas vermelhas e espinafre".

"As frutas cítricas são repletas de vitamina C, além de serem grandes aliadas do sistema imune. Embora os cientistas ainda não tenham certeza de como isso ajuda, a vitamina C pode reduzir a duração dos sintomas do resfriado comum e melhorar a função do sistema imunológico humano. Laranja, limão e tangerina são exemplos de frutas ricas em vitamina C", ressalta. "Já o espinafre pode estimular o sistema imunológico, pois contém muitos nutrientes e antioxidantes essenciais, incluindo: flavonóides, carotenóides, vitamina C e vitamina E".

Fora isso, os temperos são muitas vezes utilizados como estratégias dietéticas para dar um melhor suporte ao sistema imunológico. "Especiarias e ervas foram e são amplamente estudadas globalmente devido à sua alta atividade antioxidante e antimicrobiana em humanos, pois elas contêm muitos compostos bioativos. Especiarias como cravo, canela, gengibre, pimenta preta e cúrcuma são conhecidas como estimuladores da imunidade, juntamente com sua propriedade antiviral", ressalta Guilherme Renke.

Produtos que podem ajudar no cuidado da saúde no inverno:

umidificador - Divulgação - Divulgação
Umidificador de ar da Black+Decker
Imagem: Divulgação

Umidificador bivolt - Black+Decker

Preço: R$ 229,77*

Com o filtro, elimina 99,9% das impurezas da água e proporciona uma névoa mais limpa, ideal para repor a umidade em locais de clima seco e poluído. Possui um recipiente exclusivo para colocar fragrâncias e essências sem óleo para aromatizar o ambiente. Possui autonomia média de 20 horas e capacidade de 2,5 litros.

lota - Divulgação - Divulgação
Higienizador nasal da Lota
Imagem: Divulgação

Higienizador nasal - Lota

Preço: R$ 89,90*

O higienizador nasal é um tratamento natural para sintomas alérgicos como sinusite, rinite e resfriados. Ele auxilia também no combate às alergias respiratórias e pode ser utilizado logo pela manhã, com água morna e sal de cozinha. Segundo o fabricante, o sal ajuda a proteger o revestimento da mucosa nasal, além de hidratá-la, tornando-a mais resistente aos agentes alergênicos, como fungos e ácaros, além de remover as placas de bactérias que se alojam na cavidade nasal.

nebulizador - Divulgação - Divulgação
Nebulizador da G-Tech
Imagem: Divulgação

Nebulizador ultrassônico - G-Tech

Preço: R$ 149,99*

O kit é formado por cinco filtros de ar, dois anéis de vedação, 10 copos laváveis e possui uma máscara adulto e outra infantil. O aparelho tem três níveis de ajuste de intensidade de névoa, que tornam o tratamento ainda mais agradável e adaptável a diferentes idades.

hidratante - Divulgação - Divulgação
Hidratante corporal da Neutrogena
Imagem: Divulgação

Hidratante corporal Intensive Comfort - Neutrogena

Preço: R$ 15,39*

A fórmula feita com manteiga de manga, cacau e karité recupera a superfície da pele e proporciona hidratação intensa e imediata. Possui rápida absorção e é levemente perfumado, deixando o aspecto da pele macio e cheiroso.

creme facial - Divulgação - Divulgação
Creme facial nutritivo da Nivea
Imagem: Divulgação

Creme Facial Nutritivo - Nivea

Preço: R$ 21,99*

A fórmula oferece hidratação intensa por 24 horas e oferece uma sensação não oleosa. Possui aspecto leve e de rápida absorção, além de preparar a pele para a maquiagem. Pode ser utilizado diariamente, quantas vezes for necessário.

tapete yoga - Divulgação - Divulgação
Tapete de cortiça da Arimo
Imagem: Divulgação

Tapete de cortiça e TPE antiderrapante - Arimo

Preço: R$ 259,00*

O modelo é totalmente biodegradável e conta com materiais que se decompõem facilmente, livre de PVC e atóxico. Ele possui estrutura microondulada que fica em contato direto com o solo e textura antiderrapante que tornam os exercícios de ioga mais seguros. A tração 4x4 garante mais estabilidade em qualquer movimento.

elástico extensor - Divulgação - Divulgação
Elástico extensor da Multitrust
Imagem: Divulgação

11 peças de elástico extensor funcional - Multitrust

Preço: R$ 56,80*

O conjunto de elásticos extensores pode ser utilizado para diversas práticas físicas - seja ioga, treinos funcionais ou abdominais. Os diferentes níveis de resistência se adaptam ao nível progressivo de treinamento de força e exercitam os músculos das pernas e dos braços. É possível controlar a carga e os treinos.

arte da meditação - Divulgação - Divulgação
A Arte da Meditação de Daniel Goleman
Imagem: Divulgação

A arte da meditação: aprenda a tranquilizar a mente, relaxar o corpo e desenvolver o poder da concentração - Daniel Goleman

Preço: R$ 20,89*

No título, o autor aposta em técnicas para tranquilizar a mente, relaxar o corpo, fortalecer o sistema imunológico e aumentar o poder de concentração através de quatro técnicas tradicionais de meditação. Segundo Daniel Goleman, a meditação é uma das ferramentas mais antigas da humanidade na busca pela paz interior. No mundo de hoje, ela é um recurso inestimável para quem quer aprender a lidar melhor com as pressões do dia a dia, gerenciar o estresse e ter mais qualidade de vida.

Uma dica: costuma fazer compras online? Assinar o Amazon Prime pode ser uma boa alternativa. Com primeiro mês de teste gratuito e depois por apenas R$ 9,90, você tem entrega grátis e rápida para diversas compras em qualquer lugar do Brasil.

* Os preços e a lista foram checados no dia 22/06/2021 para atualizar esta matéria. Pode ser que eles variem com o tempo.

O UOL pode receber uma parcela das vendas pelos links recomendados neste conteúdo. Preços e ofertas da loja não influenciam os critérios de escolha editorial.