Topo

Alimentação

Ideias e informações para você comer melhor


Alimentação

Açafrão, gengibre, canela: combinações simples para turbinar seu café

iStock
Imagem: iStock

Chloé Pinheiro

Colaboração para o UOL VivaBem

02/07/2019 04h00

Resumo da notícia

  • O café tem substâncias antioxidantes, e algumas especiarias podem tornar a bebida ainda mais benéfica à saúde
  • Você pode apostar em itens como gengibre, cacau, pimenta, canela e cúrcuma, mas outras especiarias também têm efeitos semelhantes
  • Esses ingredientes, contudo, são utilizados em pequenas quantidades, o que, no fim das contas, não fará nenhum milagre para o corpo
  • Alguns erros na hora de preparar o café podem anular suas propriedades, como tomá-lo requentado e deixar a água ferver muito

Nem sempre é fácil adicionar os chamados alimentos funcionais à dieta. Uma boa estratégia pode ser turbinar o sagrado cafezinho diário com alguns desses ingredientes. Eles oferecem antioxidantes --substâncias ligadas à prevenção de doenças -- e outros compostos benéficos.

Agora, não dá para esperar feitos incríveis, visto que as quantidades presentes dessas substâncias numa xícara de café serão pequenas demais para agir isoladamente. É o conjunto da obra que faz a diferença para o organismo, o consumo constante não só dos compostos que mencionaremos aqui, mas de frutas, verduras e cereais integrais.

Veja as dicas dos especialistas e turbine seu café!

Canela

Uma das combinações mais clássicas. A canela carrega antioxidantes e é conhecida por sua ação anti-inflamatória e provável papel no controle da glicemia - benefício ainda a ser confirmado pela ciência. Seu efeito termogênico, que acelera o gasto de calorias, é discreto, mas pode ser intensificado com o café, que também é um estimulante.

Você pode saborizar a água que será usada no café, colocando uma canela em pau na água que será fervida. Se preferir um gosto mais suave, salpique um pouco de canela em pó no coador junto com o café ou na xícara.

Lembrando gestantes e pessoas com hipertensão não podem consumir mais do que 3 g ao dia, o equivalente a uma colher de chá rasa ou 3 xícaras do chá feito com a canela. Outras especiarias que carregam antioxidantes também combinam com o café: cardamomo, noz-moscada, cravo e anis estrelados. Faça testes e descubra a combinação que mais agrada seu paladar.

Gengibre

Um superalimento utilizado no combate a náuseas e enjoos e na proteção do estômago de quem sofre com gastrite, mas com diversas outras propriedades por conta de seu alto teor de antioxidantes. A ação anti-inflamatória da raiz também é um destaque à parte, auxiliando na manutenção do sistema imune.

O gengibre combina bem o café, trazendo um sabor levemente picante e adocicado à bebida. Para preparar, coloque uma rodelinha na xícara que você vai consumir e aguarde um minuto para que ele fitoquímicos, que são os seus compostos mais benéficos. Outra dica é usar o sumo, torcendo os pedacinhos com um pano e pingando algumas gotinhas.

Combine com noz-moscada e cardamomo para obter um sabor ainda mais intenso e diferente.

Cúrcuma

O açafrão-da-terra carrega a curcumina, poderoso antioxidante estudado na prevenção de doenças neurológicas e até do câncer, além de ter demonstrado efeito analgésico em estudos e melhor manejo de doenças como artrose e artrite. Para aumentar esses benefícios, consuma com pimenta preta. O tempero carrega luteína, que aumenta a absorção da curcumina no organismo.

No café, você pode colocar uma rodela do rizoma de açafrão, que é bastante parecido com o gengibre na aparência, e uma pitada da pimenta. O açafrão em pó também vale, salpicado sobre a xícara.

Cacau

Possui flavonoides famosos, compostos que têm ação vasodilatadora, anti-inflamatória e ainda estimulam a liberação de substâncias benéficas ao cérebro, o que está relacionado a uma melhora do humor e da cognição. Por último, o cacau em pó ainda contém fibras.
Você pode adicionar uma colher de sopa rasa ao café já pronto ou colocar no coador, como preferir. Uma outra dica é colocar um quadradinho de chocolate amargo, com 70% de cacau, para derreter na bebida quente. Sabor garantido!

Pimenta

Combinação inusitada e que está na moda. Aqui, é o mesmo caso da canela. Há um efeito termogênico discreto, que potencializa a ação estimulante do café. Pimentas caiena e dedo-de-moça podem ser acrescentadas a ele para dar um toque inusitado e uma dose extra de energia matinal.

A capsaicina, substância presente nas pimentas e responsável pelo ardor, atua ainda na vasodilatação, o que melhora a circulação sanguínea e pode prevenir doenças cardiovasculares. Mas este efeito isolado também não faz grande diferença na saúde, pois consumimos uma quantidade pequena, especialmente com o café.

Coloque apenas uma rodelinha no coador e, para suavizar a picância, misture com leite.

Maca peruana

Raiz nativa da região dos Andes, a maca peruana tem feito sucesso no mundo dos alimentos funcionais. Comercializada no Brasil na versão em pó, a maca possui fitoesteróis, substâncias que podem ajudar na regulação de hormônios sexuais - estrogênio, progesterona e testosterona - além de outras substâncias benéficas.

Como tem um sabor que lembra o do café, pode ser acrescida à ele, numa quantidade que varia de uma colher de chá a uma colher de sopa.

Prepare e consuma do jeito certo

O café em si é uma bebida saudável, que carrega antioxidantes e pode fazer bem à saúde cardiovascular. Para que ele tenha só vantagens, contudo, é preciso tomar alguns cuidados no preparo:

  • Não espere a água ferver, tire a panela do fogo pouco antes disso;
  • Não adoce ou coloque o pó na água que irá esquentar;
  • Prefira sempre o café fresco. O café requentado ou que passa o dia na cafeteira e na garrafa térmica libera taninos, substâncias que podem provocar desconforto gástrico;
  • Na hora de usar especiarias, vá com calma para que o sabor não fique muito forte. Uma medida boa é uma colher de café (aquela menorzinha) rasa para cada xícara da bebida;
  • Não tome mais do que três ou quatro xícaras ao dia. O excesso de cafeína provoca dependência e pode ter efeitos colaterais.

Fontes: Andrea Esquivel, nutricionista da Clínica CEDIG, diretora e proprietária da Consultoria Gastronomia Nutritiva; Concetta Marcelina de Prizio, barista e professora da área de bebidas, serviços e gestão do Senac São Paulo - Unidade Aclimação; Paulo Prati, nutricionista e professor do Senac São Paulo - Unidade Aclimação; Simone Valvassori, nutricionista e chef, diretora da Associação Paulista de Nutrição.

SIGA O UOL VIVABEM NAS REDES SOCIAIS
Facebook - Instagram - YouTube