Topo

Pergunte ao VivaBem

Os melhores especialistas tiram suas dúvidas de saúde


Pergunte ao VivaBem

Por que parece que sou mais picado por pernilongos do que outras pessoas?

Pergunte ao VivaBem Picada Mosquito
Imagem: Fernanda Garcia/UOL VivaBem

Gabriela Ingrid

Do UOL VivaBem, em São Paulo

26/03/2019 04h00

Resumo da notícia

  • Diversos fatores podem fazer com que uma pessoa atraia mais pernilongos do que outras
  • Pode ser desde a microbiota da pele até mesmo a quantidade de CO2 que você emite
  • Entenda melhor o que pode influenciar nesse problema

De fato, algumas pessoas são mais atrativas para os mosquitos que outras. Isso é explicado por um fator: os odores expelidos pelo corpo. Os insetos hematófagos (que se alimentam de sangue) reconhecem o cheiro de suas "presas" através das antenas. A diferença de cheiros de cada um depende de diversos fatores:

Dióxido de carbono (CO2): os mosquitos, assim como outros insetos hematófagos, são atraídos pelo CO2 emitido durante a nossa respiração. Consequentemente, pessoas que exalam mais CO2 geralmente são mais atrativas. No entanto, não existem condições que façam uma pessoa exalar mais CO2 do que outras (exceto a gravidez), então não dá para saber quem está mais em risco.

Suor e temperatura corporal: substâncias expelidas durante a transpiração, tais como ácido lático, ácido úrico e amônia, são atrativas para os mosquitos. Além disso, o aumento da temperatura corporal durante exercícios físicos também pode atrair mais pernilongos.

Bactérias presentes na pele: um estudo demonstrou que pessoas com grande abundância e baixa diversidade de bactérias na pele são mais atrativas para os mosquitos.

Cerveja: estudos encontraram uma relação entre o consumo de cerveja e a atratividade aos mosquitos, sugerindo que pessoas que apreciam a bebida deveriam estar mais atentas ao risco de exposição aos mosquitos.

Gestação: as mulheres em gestação são bastantes atrativas para os mosquitos, simplesmente porque elas exalam mais CO2 e apresentam um aumento da temperatura corporal.

Fatores genéticos: fatores genéticos estão provavelmente relacionados a atratividade aos mosquitos, mas a base genética e os mecanismos envolvidos precisam ser melhor elucidados. Alguns desses fatores estão relacionados à regulação da produção de substâncias que atraem ou repelem mosquitos.

Fonte: Filipe Dantas-Torres, veterinário especialista em parasitologia e pesquisador do Instituto Aggeu Magalhães, da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz); Reginaldo Peçanha Brazil, doutor em parasitologia pela Universidade de Liverpool e pesquisador titular da Fiocruz no Rio de Janeiro.

Quais são suas principais dúvidas sobre saúde do corpo e da mente? Mande um e-mail para pergunteaovivabem@uol.com.br. Toda semana, os melhores especialistas respondem aqui no UOL VivaBem.

SIGA O UOL VIVABEM NAS REDES SOCIAIS
Facebook - Instagram - YouTube

Pergunte ao VivaBem