Topo

Viagem


Turistas estão proibidos de tirar fotos de gueixas sem permissão em Kyoto

Gueixa na Rua Hanamikoji, no bairro de Gion, em Kyoto, no Japão - iStock
Gueixa na Rua Hanamikoji, no bairro de Gion, em Kyoto, no Japão Imagem: iStock

Do UOL

01/11/2019 10h33

O bairro de Gion, em Kyoto, no Japão, é famoso pela presença das gueixas e maikos (aprendizes de gueixas), que caminham pelas ruas e são vistas entrando em casas de chás e restaurantes, onde dançam, cantam e servem bebidas.

No entanto, após diversos episódios de assédio e desrespeito, uma associação de residentes e donos de estabelecimentos locais está proibindo fotografias tiradas sem a permissão destas mulheres e distribuindo folhetos para conscientizar os visitantes da cidade histórica.

Bairro de Gion, em Kyoto, no Japão - iStock
Bairro de Gion, em Kyoto, no Japão
Imagem: iStock

De acordo com este grupo, há relatos da invasão de turistas a lugares privados e até de perseguições às gueixas, com direito a puxadas das roupas tradicionais.

Segundo o "Japan Today", a multa prevista para quem não cumprir a proibição será de 10 mil ienes (cerca de R$ 367 em valores convertidos em 01/11/2019). Ainda não se sabe como a multa será aplicada, mas já há vigilância de câmeras de segurança nos locais onde ocorreram os episódios de assédio.

Viagem