'Não foi planejado': ela se apaixonou e casou com o irmão do antigo ex

A técnica em laboratório Maite Tuan, de 35 anos, conheceu Rodrigo há cinco anos, pela internet. O que ela não notou, naquele momento, é que seu hoje marido já tinha uma ligação com ela desde meados de 2008: ele era o irmão do seu ex-namorado.

Como na época do antigo namoro ela não teve a oportunidade de conhecer Rodrigo, ela nem sequer sabia como ele era fisicamente. Por isso, o reencontro dos dois foi tão inesperado. O casal, que é de São Paulo, resolveu não ignorar o destino e insistiu em ficar junto. Deu certo.

A Universa, ela conta a história dos dois.

'Desisti de ir em evento que o conheceria'

"Quando eu tinha uns 19 anos eu namorei um menino chamado Evandro. Ficamos uns oito meses juntos e fui à casa dele algumas vezes. Conheci a mãe, o pai e um dos irmãos dele. O Evandro era o mais novo, eu conheci o irmão do meio.

Eu tive uma oportunidade de conhecer o irmão mais velho, o Rodrigo, mas não deu certo. Ele namorava uma menina e teria um churrasco na casa dela, mas no meio do caminho eu e o Evandro brigamos e eu desisti de ir.

Depois desse episódio ainda ficamos juntos mais um tempo, mas não deu certo e terminamos sem que eu tivesse conhecido o irmão mais velho dele.

Dali um tempo, conheci meu ex-marido. Eu me casei, tive meus dois filhos. Fiquei neste relacionamento por oito anos e nos separamos no final de 2017.

'Perguntei se eram irmãos, e ele confirmou'

No meio de 2018 conheci um outro rapaz, pela internet, através do Facebook. Conversamos um tempo, marcamos de nos conhecer. Assim como eu, ele tinha acabado de sair de um relacionamento.

Continua após a publicidade

Nas redes sociais, ele não usava o sobrenome dele. Um dia, ele me falou que chamava Rodrigo Tuan. Foi quando eu perguntei se ele era irmão do Evandro e ele confirmou. Não acreditei.

Continuamos conversando, nos encontramos mais vezes, ficamos. E depois disso a gente nunca mais se separou. Se eu tivesse conhecido ele naquele churrasco, quando eu visse na internet saberia que era ele. Mas eu não tinha como adivinhar.

Se você olhar os dois, fisicamente, um não tem nada a ver com o outro. O Evandro tem o cabelo claro e o olho azul. O Rodrigo tem o cabelo castanho. São duas pessoas diferentes.

'Não ia deixar de viver algo legal'

Quando a gente ficou, eu falei: 'Como é que vai ser?'. E ele disse que a gente não poderia ligar para o que os outros falassem. Gostávamos um do outro e ele era uma pessoa completamente diferente do Evandro.

Lembro de pensar que eu não deveria fazer isso porque era estranho, de me questionar sobre o que iam pensar de eu estar com um e depois com outro. Socialmente falando é feio. Mas é o que a gente falava: a gente não se conheceu lá naquela época.

Continua após a publicidade

Eu estava apaixonada e não ia deixar de viver algo legal, com uma pessoa bacana, que cuidava de mim e se importava comigo, por causa dos outros. É incrível como a gente se dá bem.

Como eu já vinha de um histórico de relacionamentos abusivos e, de repente, encontrei alguém como ele, achava que não merecia todo aquele carinho.

Eles fizeram uma tatuagem juntos
Eles fizeram uma tatuagem juntos Imagem: Arquivo Pessoal

A gente se casou no papel em 2020, mas moramos juntos desde 2019. Como nós nos casamos em plena pandemia, não deu para fazer festa e comemorar como queríamos.

Em cinco anos, nós nunca brigamos. Quando eu contei para a minha família, todo mundo tirou sarro e ficou brincando, falando que eu realmente queria entrar para a família deles.

'Família nos apoiou'

Ninguém nunca foi contra. Os pais dele também sempre apoiaram. Minha mãe achou meio esquisito no começo. Acontece, né? Hoje sou muito amiga da esposa do Evandro, e ela sabe do que aconteceu. Claro que é um choque.

Continua após a publicidade

Todo mundo fica curioso para saber como foi esse reencontro. Acham que um procurou o outro, mas não. Foi naturalmente. Isso que é engraçado. Não foi planejado. E a gente concorda em tudo, pensamos da mesma forma. É impressionante.

Alguns desconhecidos querem saber, ficam surpresos quando falo que ele foi meu cunhado. Depois que sabem da história, dão risada e acham engraçado.

Meus filhos o adoram e respeitam muito. Quando eles chegam da escola, Rodrigo pega para fazer lição. Ele é um superpai, mesmo sem ter filhos. Mas nós estamos planejando ter um bebezinho logo, logo.

'Ele é o amor da minha vida'

Nesses cinco anos que estamos juntos eu construí muito mais coisas com ele do que no meu casamento de oito anos. Ele é o amor da minha vida. Não consigo olhar outra pessoa com segundas intenções, perdi completamente o interesse em outros homens.

Fizemos até uma tatuagem juntos. Em mim, está escrito em árabe: 'para sempre serei sua'. Nele, está escrito: 'para sempre serei seu'.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes