PUBLICIDADE

Topo

Pais fazem chá revelação para filho não-binário: 'Erramos há 17 anos'

Do UOL, em São Paulo

15/07/2020 10h20

A fotógrafa Love Gwaltney e seu marido Brandon fizeram um chá revelação para dizer aos amigos e familiares que a criança que tiveram há 17 anos não é uma menina.

"Queríamos anunciar que erramos 17 anos atrás, quando dissemos ao mundo que estávamos tendo uma menininha", disse. "Então, gostaríamos de apresentar o nosso filho: Gray", completou a mãe.

A festa revelação de Gray teve balões que refletiam a bandeira do orgulho não-binário, enquanto as camadas do bolo representavam a bandeira trans.

Gwaltney explicou também que Gray atende por pronomes masculinos e neutros porque se entende como um adolescente não-binário.

Ela também contou sobre como entendeu a transição de seu filho. "Atribuímos atributos (como força ou beleza) com base no que nosso filho tem entre as pernas. E na maioria das vezes, isso funciona perfeitamente bem. Mas às vezes, forçamos essas características esperadas com base no sexo biológico e entendemos errado", refletiu a mãe no post.

Gwaltney ressaltou também que quando a criança não se identifica com seu sexo biológico, isso pode ter um impacto profundo em sua vida. "Às vezes, essa criança desassocia quem ela é com o corpo que possui, e pode surgir como dismorfia corporal ou problemas de autoestima", disse.

Quando o post viralizou, a mãe respondeu com mais amor aos comentários. "Odeio que muitos de vocês na comunidade trans não tenham recebido o amor e a aceitação que todos merecem. Eu vejo vocês. Eu escuto vocês. Eu sou sua nova mãe agora! <3", concluiu.

Diversidade