PUBLICIDADE

Topo

Universa

Cachorra solidária salva cães doentes e vira "mãe" de todos em abrigo

Do UOL

18/01/2017 04h03

Uma cachorra resgatada em Chicago, nos EUA, chamou atenção por sua dedicação para cuidar dos seus filhotes durante o inverno norte-americano. Pouco tempo depois, ela se tornou "mãe" de todos os cachorros doentes e em terapia de um abrigo de animais abandonados. 

A Trio Animal Foundation recebeu uma ligação no dia 16 de dezembro de 2011 da polícia de Chicago. Dois oficiais viram uma cachorra entrando em um prédio abandonado e a seguiram. Eles, então, se depararam com uma cena tocante: a cadela tinha abrigado seus cinco filhotes em uma mala de viagem para mantê-los quentes no dias frios. 

Os policiais ficaram impressionados com a esperteza da cadela na hora de escolher o melhor lugar para deixar os filhotinhos, que era de difícil acesso e os deixava protegidos do clima. Eles levaram a mãe e sua ninhada até um local protegido e ligaram para a fundação, porém eles não puderam ajudar por estarem lotados naqueles dias. Algumas horas depois, no entanto, eles retornaram a ligação e resolveram levá-los para o abrigo. 

A TAF batizou a cachorra de Antler e a levaram para um veterinário, onde descobriram que ela havia sido atropelada e ainda estava bastante machucada. Os cuidadores ficaram surpresos em como a cachorra conseguiu cuidar de seus filhotes mesmo estando com uma dor constante. 

Algumas semanas depois, no entanto, os filhotes de Antler ficaram doentes e dois deles não sobreviveram. Os outros três, em contrapartida, conseguiram lares definitivos rapidamente, sobrando apenas a dedicada mãe. 

Sue, criadora da TAF, diz que a fundação foi criada em homenagem a Trio, sua cadela que era uma espécie de mãe de outros cachorros do abrigo, mas que havia morrido há algum tempo. Os outros dois cães dela, Geiger e Gambit, ainda sentiam muita falta de Trio e continuavam procurando-a pela casa. Sue conta, em um post no site "Life with Dogs", que teve a ideia de levar Antler para a casa dela e a convivência entre os três não poderia ser melhor.

"Eu estava à procura de uma cadela gentil e amorosa que pudesse trazer felicidade de volta para os meus meninos e outros filhotes que abrigávamos, mas mal sabia que estávamos com a cachorra certa sob os nossos cuidados durante todo o tempo", escreveu a voluntária. 

Foi assim que Antler se tornou a "mãe" de todos os cachorros doentes e filhotes que chegam ao abrigo. "Ela é muito paciente com todos eles", se desmancha Sue. A cadela faz companhia para os bichos que estão sob tratamento e também dá de mamar e cuida dos filhotes que estão sem a mãe biológica. 

Universa