Topo

Por R$ 163 mil, turista poderá conhecer o espaço com viagem em balão

Em Washington

23/10/2013 08h55

Apostando na atratividade do turismo espacial nos Estados Unidos, uma empresa propõe transportar passageiros em um balão inflado com hélio a 30 km de altitude para admirar a curvatura da Terra e a escuridão do espaço.

 

Uma nova empresa com base no Arizona, no Sudoeste do país, a World View Entreprise, oferece por US$ 75 mil (cerca de R$ 163.800) uma passagem para uma subida suave em um cesto pressurizado e espaçoso, com capacidade para oito pessoas.

Os passageiros poderão permanecer por duas horas nesta altitude, antes que a cápsula seja separada do balão e volte à Terra freada por um paraquedas que a fará planar antes de pousar suavemente no solo.

"Os passageiros estarão entre o pequeno número de pessoas que verão a curvatura terrestre e terão uma vista surpreendente do planeta, da escuridão do espaço, da luminosidade das estrelas e do véu final da atmosfera que envolve a Terra", promete comunicado da empresa, no qual prevê iniciar seus voos em três anos.

"Ver a Terra suspensa no vazio do espaço... certamente fará nossos clientes viverem uma experiência de tal natureza que mudará sua existência", considerou Jane Poynter, presidente da World View e cofundadora da Paragon Space Development, que mobilizou os investidores para criar esta nova sociedade.

A autoridade americana de aviação civil, a Federal Aviation Administration, decidiu considerar a cápsula World View como um veículo espacial, indicou uma carta da agência publicada na terça-feira (22) pela empresa.

Tecnicamente, o espaço começa a partir dos 100 km, uma altitude a partir da qual um voo aerodinâmico não é possível, levando-se em conta a ausência de atmosfera.

A Virgin Galactic, criada pelo milionário britânico Richard Branson, prevê transportar passageiros para voos a esta altitude suborbital em 2014.

A sociedade empregará um avião foguete chamado SpaceShipTwo, que será capaz de alcançar a fronteira do vazio espacial, permitindo aos passageiros permanecer em meio à ausência de gravidade por alguns minutos.

A Virgin Galactic já vendeu cerca de 650 passagens, cujo preço unitário é de entre US$ 200 mil e US$ 250 mil (entre cerca de R$ 437 mil e R$ 546 mil).

Mais Tilt