Empresa de IA de Elon Musk, xAI, entra com pedido para levantar até US$1 bi em oferta de ações

(Reuters) - A startup de inteligência artificial (IA) de Elon Musk, xAI, protocolou junto à agência reguladora de valores mobiliários dos Estados Unidos um pedido para levantar até 1 bilhão de dólares em uma oferta de ações, conforme arquivamento nesta terça-feira.

A empresa levantou 134,7 milhões de dólares em financiamento por meio de capital próprio de um montante total de oferta de 1 bilhão de dólares, mostrou o documento apresentado à SEC, órgão que regula o mercado de capitais nos EUA.

A captação de recursos para a IA continua sendo um ponto positivo para startups neste ano, após o lançamento do popular chatbot ChatGPT, da OpenAI, no ano passado e a captação de 10 bilhões de dólares de seu apoiador estratégico, a Microsoft. No entanto, os reguladores estão preocupados com o potencial uso da tecnologia para disseminar desinformação.

Musk lançou a xAI em julho deste ano para rivalizar com o Bard, do Google, e o Bing AI, da Microsoft.

Em 2015, Musk cofundou a OpenAI, a empresa por trás do ChatGPT, que gerou uma frenesi pela tecnologia de IA generativa ao redor do mundo, mas saiu do conselho em 2018.

No mês passado, a xAI lançou o "Grok", um chatbot concorrente do ChatGPT. A startup de inteligência artificial será integrada à sua rede social X e também estará disponível como um aplicativo independente, disse Musk em novembro.

A equipe por trás do xAI vem da DeepMind, do Google, da controladora do Windows e de outras empresas importantes de pesquisa em IA.

(Reportagem de Akash Sriram e Jaiveer Shekhawat em Bengaluru; reportagem adicional de Arsheeya Bajwa)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes