Topo

Meu celular não carrega, o que fazer? Veja 6 dicas caseiras

Saiba o que fazer se seu celular parar de carregar - Jessica Lewis/ Pexels
Saiba o que fazer se seu celular parar de carregar Imagem: Jessica Lewis/ Pexels

Simone Machado

Colaboração para Tilt

18/12/2022 04h00

Você coloca o celular para carregar e percebe que o aparelho não reage ao conectar o carregador. Problemas na hora do carregamento são bastantes comuns e podem acontecer de uma hora para outra e sem nenhum motivo aparente —queda do aparelho ou fio rompido do carregador são alguns deles.

Antes de se desesperar e sair correndo para a assistência técnica ou para comprar um novo carregador saiba que é possível resolver o problema de maneira simples, sem a necessidade de sair de casa e gastar.

Por isso, Tilt separou 6 dicas de como tentar resolver esse problema sem dor de cabeça.

6 dicas do que fazer se celular não está carregando

1. Testando, testando e testando

A primeira coisa a fazer é testar outro cabo e outro carregador. Alternar as combinações vai te ajudar a ver se está tudo funcionando corretamente e caso o problema seja em um desses dois itens o problema já será resolvido.

Vale lembrar que é importante optar sempre por usar carregadores e cabos originais do fabricante do celular, assim você evita danos em seu aparelho.

O mau contato no cabo USB ocorre com frequência e pode acontecer, por exemplo, quando o cabo foi dobrado ou submetido a condições que resultaram no rompimento de condutores inseridos dentro do cabo. Para evitar esse problema:

  • Cuidado ao manusear o cabo USB: quando for retirar o cabo USB não o puxe pelo fio, faça isso pela extremidade rígida evitando danificar os componentes internos
  • Fique atento ao guardar ou transportar o carregador: o cabo USB, pode ser enrolado, mas não dobrado
  • Ao conectar o cabo USB na tomada verifique se eles estão sendo forçados, dobrados, esticados ou amassados

2. Verifique a tomada

Certifique-se de que há energia disponível na tomada que está utilizando para carregar seu celular. Muitas vezes, mesmo que você esteja com energia em casa, talvez haja algum problema naquela tomada específica que você está usando.

Para verificar é só conectar outro equipamento eletrônico nesta tomada e ver se ele funciona normalmente.

3. Reinicie o aparelho

Se o aparelho celular ainda tiver um pouco de carga na bateria, tente reiniciar o aparelho. Se o problema de recarga estiver relacionado ao software do equipamento, ao fazer esse procedimento ele voltará a carregar.

4. Verifique o encaixe

Verifique se o cabo está encaixado corretamente no celular e na tomada. Se seu aparelho está com capa de proteção, retire-a para testar já que ela pode estar pegando no conector e atrapalhando o encaixe adequado para o carregamento.

5. Limpe o conector de energia

Olhe se os conectores de energia do aparelho celular e cabo de recarga estão limpos, sem sujeira ou detritos que podem obstruir os contatos elétricos, impedindo a transmissão de energia ao celular e consequentemente fazendo com que ele não carregue.

Se encontrar sujeira sobre os contatos, você pode tentar removê-la com uma flanela ou um pano de microfibra passando levemente no local para não danificar os contatos.

6. Desligue o aparelho e o deixe em recarga

Se o aparelho celular que você estiver tentando recarregar está desligado/descarregado por muito tempo e o celular estava guardado sem uso, por exemplo, pode ser necessário deixar o aparelho em recarga por várias horas até que a bateria dê sinais de vida novamente.

Quando buscar a assistência?

Agora, se você já fez todos os testes, tentou um novo carregador e nada de seu celular recarregar, talvez seja a hora de procurar a assistência técnica autorizada.

Se a bateria do seu celular já vinha apresentando sinais de redução do seu desempenho, como queda brusca na carga, lentidão no processo de carga, não consegue carregar até a máxima carga, esses sinais indicam que provavelmente você chegou ao final da vida útil da sua bateria e deve ser um bom momento para trocar.

Fontes:

Wânderson de Oliveira Assis, professor do curso de Engenharia Eletrônica do Instituto Mauá de Tecnologia (IMT); Rudolf Bühler, professor do Departamento de Engenharia elétrica da FEI.