PUBLICIDADE
Topo

5-Minute Crafts: vídeos com dicas inúteis bombam por serem bizarros

Canal viraliza com vídeos com dicas no YouTube - Divulgação/5-Minute Crafts
Canal viraliza com vídeos com dicas no YouTube Imagem: Divulgação/5-Minute Crafts

Aurélio Araújo

Colaboração com o Tilt, de São Paulo

01/11/2021 04h00

Vídeos multicoloridos, com uma trilha sonora pop cheia de sintetizadores, sem diálogos, animados e encaixando uma situação na outra, sem respiro, de forma quase hipnótica: essa é a fórmula do sucesso do 5-Minute Crafts, misterioso canal com 74,1 milhões de inscritos no YouTube e mais de 21 milhões de visualizações de seus vídeos.

Boa parte do conteúdo veiculado pelo canal 5-Minute Crafts (em português, algo como "trabalhos manuais de 5 minutos") vem em formato de "lifehacks". Ou seja, truques que servem para resolver problemas do dia a dia — contudo, muitas das dicas oferecidas são na verdade difíceis de executar na vida real.

Embora os números variem bastante, no momento em que este texto foi escrito, o canal era o nono maior do YouTube no mundo todo. O ganho estimado do canal por mês fica entre US$ 51,9 mil e US$ 830,8 mil, segundo dados do SocialBlade, plataforma que monitora audiência de canais e faz estimativas de potenciais ganhos.

Apesar dessa fama toda, ninguém sabe ao certo o motivo de os vídeos viralizarem. Na verdade, existem duas possíveis explicações: muitos são bizarros e puxados para comédia.

Exemplos de vídeos

O vídeo abaixo é o mais assistido do canal no momento. Ele soma 283 milhões de visualizações. Entre as dicas estão: como apagar tinta permanente (pelo vídeo, pasta de dente funciona em caso de cerâmica), como fazer um suporte para algodão e esconder dinheiro na embalagem de chiclete.

Ao mesmo tempo, existem experimentos que não têm nem um passo a passo do que é necessário para realmente fazê-los.

Outros vídeos curiosos encontrados por Tilt são:

  • O que fazer quando você não consegue se decidir entre duas camisas na hora de se vestir.
  • Como consertar os sapatos gastos do seu filho.
  • Como impedir que um chapéu molhado à beira da piscina fique murcho.

No truque para resolver o primeiro exemplo acima — uma camisa azul e uma rosa, a moça do vídeo simplesmente abotoa as duas juntas de forma a fabricar uma camisa nova com as duas cores.

Sobre a "falta de dicas práticas", a descrição do canal mesmo já esclarece: "Este vídeo foi feito somente com o propósito de entreter. Não fazemos garantias sobre sua completude, segurança e confiança. Qualquer ação que você tome a partir das informações deste vídeo está estritamente sob seu próprio risco, e não seremos responsáveis por quaisquer perdas ou danos".

"Nosso conteúdo não deve ser tratado como uma fonte para fatos, mas como uma fonte de entretenimento", esclareceu Arthur Mamedov, diretor operacional da empresa por trás do 5-Minute Crafts, a produtora TheSoul, em entrevista à publicação "Marker".

Do ponto de vista dos internautas, o canal reúne comentários repletos de gente falando que os vídeos são inúteis ou dizendo que os assistem para dormir e relaxar.

Controvérsia política

Existe todo um mistério em torno dos negócios da produtora TheSoul, fundada pelos russos Pavel Radaev e Marat Mukhametov.

Ela já foi acusada de usar conteúdos aparentemente inofensivos como esses vídeos demonstrativos para promover causas políticas favoráveis ao governo da Rússia. Em 2019, os fundadores foram acusados de promover desinformação nas redes sociais.

A alegação partiu de um texto escrito por Lisa Kaplan, que fundou uma empresa chamada Alethea Group, que diz "detectar e mitigar desinformação e manipulação nas redes sociais".

Kaplan afirmou que a TheSoul já havia comprado propagandas no Facebook voltadas a questões políticas, tendo como público-alvo cidadãos dos Estados Unidos.

A isso, somava-se o fato de que, segundo a executiva, num canal menor pertencente à produtora chamado SmartBanana, haviam vídeos dizendo que a Ucrânia era parte da Rússia e que Nikhita Khrushchov (líder soviético entre 1953 e 1964) havia cedido o Alasca para os EUA.

A produtora negou as acusações. Os vídeos mencionados por Kaplan foram removidos. O YouTube, por sua vez, afirmou não ter encontrado violações às suas regras por parte da TheSoul.

Sobre os vídeos com informações erradas do SmartBanana, Mamedov defendeu que a acusação de Kaplan ajudou a produtora a melhorar seu controle de qualidade e sua checagem de fatos interna.

"Dos milhares de conteúdo que criamos, aqueles factualmente incorretos formam uma porcentagem muito, muito pequena, menos de 0,001%. Mesmo assim, não deveriam ter sido disponibilizados."

Como são feitos os vídeos

A entrevista com Mamedov publicada pela "Marker" ajuda a entender um pouco melhor como são produzidos os vídeos do 5-Minute Crafts.

Ele explica que há equipes que desenvolvem ideias para as publicações. Aprovadas, há um período de pesquisa, produção de roteiro, controle de qualidade do tema, e aí sim parte-se para a filmagem nos estúdios da TheSoul.

Depois da gravação, vem o processo de edição, dublagem, animação gráfica, revisão e, finalmente, os vídeos são colocados nas redes sociais. O processo costuma levar de duas a três semanas por vídeo.

Embora pertença a empresários de origem russa, a produtora está sediada no Chipre. Segundo Mamedov, ela foi fundada em 2003, quando seu negócio ainda era um serviço voltado à publicidade online.

Gradualmente, diz, o foco se converteu em produção de conteúdo para internet, dando origem ao 5-Minute Crafts, de longe o canal de maior sucesso da TheSoul.

Presente também em outras redes sociais, o 5-Minute Crafts tem 45,2 milhões de seguidores no Instagram, 9,7 milhões no TikTok e mais de 115 milhões no Facebook, onde é a sétima maior página, à frente das páginas de famosos como Will Smith, Vin Diesel, Lionel Messi e Rihanna.