PUBLICIDADE
Topo

Fim da Sony no Brasil: empresa deixará de vender TVs, áudio e câmeras

TV 8K Sony XBR Z9G; linha de TVs da marca deixará de ser vendida no Brasil até o fim de março de 2021 - Divulgação
TV 8K Sony XBR Z9G; linha de TVs da marca deixará de ser vendida no Brasil até o fim de março de 2021 Imagem: Divulgação

De Tilt, em São Paulo

01/03/2021 15h47

A Sony anunciou nesta segunda-feira (1º) que vai encerrar as vendas no Brasil de produtos das divisões de TV, áudio e câmeras até o fim de março. O movimento da marca japonesa já era esperado, dado que em setembro de 2020 tinha anunciado o fechamento de sua fábrica em Manaus.

Segundo a Sony, os serviços de garantia e suporte técnico aos consumidores serão mantidos por aqui. Os demais negócios do grupo, como Games (PlayStation), soluções profissionais, música e entretenimento, continuarão.

"Queremos reiterar que manteremos a alta qualidade de pós-venda e suporte de reparo para todos os produtos sob nossa responsabilidade comercial pelo tempo necessário, estando em conformidade com os regulamentos e requisitos locais de proteção aos consumidores, política e de garantia de produtos", informou a empresa em comunicado postado em conta oficial da marca.

A Sony não detalhou os motivos que a levaram a tomar a decisão. Ela afirmou apenas que "sempre adota medidas para fortalecer a estrutura e a sustentabilidade de seus negócios, para responder às rápidas mudanças no ambiente externo".

A companhia acrescentou que trabalha para garantir "todos os direitos, o melhor tratamento e cuidados especiais aos seus colaboradores".

Em março de 2019, a empresa deixou de vender seus smartphones em toda a América do Sul. Na época, a divisão móvel da companhia tinha apresentado queda nas vendas no ano anterior.