PUBLICIDADE
Topo

Agora é o pior momento para comprar um Samsung Galaxy S20; entenda por quê

Galaxy S21, segundo o site Winfuture - Reprodução/Winfuture
Galaxy S21, segundo o site Winfuture Imagem: Reprodução/Winfuture

Marcella Duarte

Colaboração para Tilt

09/01/2021 14h14

Sem tempo, irmão

  • Linha Galaxy S21 será lançada em evento da Samsung, nesta quinta-feira, e por isso, é melhor esperar para comprar um S20
  • Rumores indicam diminuição do preço da nova linha em comparação à S20
  • Após o lançamento, os preços da linha S20 podem baixar

Se você está pensando em comprar um smartphone da família Galaxy S20 este mês, segure a ansiedade. Agora pode ser o pior momento possível para fazer isso. Na próxima quinta-feira (14), acontece o evento virtual Samsung Unpacked, durante a CES 2021, no qual deve ser revelada uma nova geração de produtos da gigante sul-coreana.

O Galaxy S21, o Galaxy S21 Plus e o Galaxy S21 Ultra chegarão para rivalizar com os modelos de iPhone 12. Quem esperar algumas semanas, terá duas oportunidades: ou comprar um Android top de linha mais moderno ou conseguir um desconto nos aparelhos antigos.

Mas qual a diferença entre eles? Por enquanto, temos apenas rumores e vazamentos sobre a nova linha S21. De acordo com essas informações, que em geral se confirmam em boa parte, podemos ter uma ideia do que esperar.

Preço

Quando foram lançados no Brasil, em março do ano passado, os valores das quatro versões eram: R$ 5.499 (S20 com 128 GB); R$ 5.999 (S20+ com 128 GB); R$ 7.999 (S20 Ultra com 128 GB); R$ 8.499 (S20 Ultra com 512 GB). De acordo com rumores, os aparelhos S21 podem ficar até R$ 500 mais baratos, devido a uma revisão de preços por conta da queda nas vendas durante a pandemia. Nos Estados Unidos, cada um deve ter uma diminuição de US$ 150 no preço. Um bom motivo para esperar.

Processador

A linha S20 utiliza o antigo chip Snapdragon 865 (nos Estados Unidos e alguns outros países) ou o Exynos 990 (na versão global, incluindo Brasil). Segundo os vazamentos, os três modelos Galaxy S21 devem vir equipados com o poderoso processador Qualcomm Snapdragon 888, que promete economia de bateria e performance 5G mais rápida. Se a Samsung seguir a tradição de usar um processador de fabricação própria na versão global, o escolhido deve ser o novo Exynos 2100.

Tela

O tamanho da tela deve continuar o mesmo: 6,2 (S21), 6,7 (S21+) e 6,9 (S21 Ultra), com opção de taxa de atualização de 120Hz. Porém, a nova tecnologia do display deve trazer ainda mais qualidade de imagem. Os modelos atuais são Quad HD+ Dynamic AMOLED; a nova tela será Full HD+ LTPS.

Cores

Enquanto o Galaxy S20 vem nas cores cinza (cosmic gray), azul claro (cloud blue), rosa claro (cloud pink) e preto (cosmic black), a linha S21 terá uma paleta maior: lilás (phantom violet), rosa (phantom pink), cinza (phantom gray), branco (phantom white), prata (phantom silver) e preto (phantom black). Mas nem todas as cores estarão disponíveis em todos os modelos.

Galaxy S21 Ultra

Assim como na família S20, a diferença entre a versão S21 comum e a Plus será, basicamente, o tamanho do aparelho, com tela e bateria maiores (de 4000mAh para 4500mAh). Já o modelo Ultra trará upgrades de hardware mais significativos: bateria de 5000mAh, quatro câmeras (em vez de três) mais potentes, com até 108 MP e zoom enorme de 100X e, possivelmente, um display WQHD Plus de maior resolução e com S Pen (caneta stylus para toque na tela).

Mas como decidir? Como qualquer compra de produto de tecnologia, há vários fatores - pessoais e tecnológicos - a se considerar. Uma boa promoção em um Galaxy S20 é convidativa, pois o aparelho ainda será um dos melhores do mercado por um bom tempo, e muitas de suas funções permanecem na nova geração. Agora, se não há limites para o seu gasto ou se a diferença de preço for realmente pequena, sempre é melhor estar o mais atualizado possível e ir de S21, com o novo processador e display.

De qualquer forma, espere o lançamento da semana que vem para se decidir. Ele será transmitido online, no canal do Youtube da Samsung, a partir das 12h de quinta-feira. No evento, também devem ser anunciados o novo fone Galaxy Buds Pro e o Galaxy Smart Tag, um rastreador de aparelhos Bluetooth.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do que foi informado em versão anterior do texto, no Brasil, a linha S20 utiliza como processador o Exynos 990, e não o chip Snapdragon 865 --utilizado nos Estados Unidos e outros países. A informação foi corrigida no texto.