PUBLICIDADE
Topo

Último da década: eclipse solar raro criará "anel de fogo" no Natal

Eclipse raro criará "anel de fogo" em volta da Lua - Getty Images/iStockphoto
Eclipse raro criará "anel de fogo" em volta da Lua Imagem: Getty Images/iStockphoto

Gabriel Francisco Ribeiro

De Tilt, em São Paulo

24/12/2019 11h37

Sem tempo, irmão

  • Raro eclipse criará "anel de fogo" em alguns países durante o Natal
  • Evento será observado em parte da África, Ásia e Oceania
  • Fenômeno ocorre quando a Lua está distante da Terra e não consegue tampar o Sol
  • Brasileiros podem assistir ao eclipse online em páginas do YouTube que farão stream

O dia de Natal será marcado por um raro eclipse solar que criará um anel de fogo no céu. O fenômeno será o último do tipo desta década, sendo visível em países do Oriente Médio, Ásia, Oceania e parte da África.

O evento ocorre quando a Lua está distante da Terra em sua órbita. Como está menor por causa da distância, ela não consegue tampar o sol totalmente e, por causa disso, acaba sendo criado um "anel de fogo" ao redor da lua.

Dependendo da localidade, o eclipse do sol ocorrerá entre o dia 25 de dezembro e o dia 26 de dezembro. Neste Natal, a lua vai cobrir cerca de 97% do Sol, sobrando as beiradas, por onde escapará um pouco de luz para criar o anel.

O fenômeno será visível principalmente no Oriente Médio e Ásia - apenas pessoas no Catar, Emirados Árabes, Omã, sul da Índia, Sri Lanka, Indonésia, Singapura, Malásia e Guam vão ver o "anel de fogo". A duração do anel será de 3 minutos e 41 segundos, sendo preciso proteções para visualizá-lo, a fim de que a visão não seja prejudicada.

Para nós, brasileiros, existe a chance de ver o evento online. Alguns canais do YouTube alertam que vão fazer um stream ao vivo do eclipse enquanto ele passa pelo Oriente Médio e Ásia.

No Brasil, um evento do tipo poderá ser visto no Norte do país apenas em 14 de outubro de 2023. Antes, o próximo eclipse solar ocorrerá em 21 de junho de 2020, também visto da África e Ásia.

SIGA TILT NAS REDES SOCIAIS

Astronomia