Topo

Olho na compra! Estudo revela que preço do celular pode variar mais de 100%

Preço de smartphones pode ter grande variação entre lojas - Getty Images
Preço de smartphones pode ter grande variação entre lojas Imagem: Getty Images

Luiza Ferraz

Colaboração para o UOL, em São Paulo

26/04/2019 17h26

Resumo da notícia

  • Proteste comparou preço dos celulares e descobriu que variação pode chegar a 115%
  • Colaboradores visitaram 32 lojas na cidade do Rio de Janeiro, além de 27 e-commerces
  • Pesquisa ainda revelou que celulares costumam ser mais baratos online

O smartphone é um produto que se torna cada vez mais indispensável na vida dos brasileiros. Segundo o IBGE, o aparelho está presente em grande parte dos domicílios e é o meio mais usado para acessar a internet. Desta maneira, é necessário muito cuidado na hora de adquirir um: a variação no preço pode ser enorme.

Uma pesquisa feita pela Proteste (Associação Brasileira de Defesa do Consumidor) comparou os preços dos celulares em diversas lojas físicas e digitais, encontrando variações que batem os 115%.

Para a análise, os colaboradores da instituição visitaram 32 estabelecimentos na cidade do Rio de Janeiro, além de 27 e-commerces. Vamos checar os resultados?

Quer economizar? Pesquise!

Se você optou pela facilidade da compra via internet, é necessário fazer uma boa pesquisa para comparar o preço de diferentes lojas, calculando também o frete, já que suas variações podem lhe causar um grande prejuízo.

Quais os melhores celulares de 2018? Veja os destaques de cada categoria

Leia mais

Enquanto um Motorola One de 64 GB é exposto por R$ 1.189,00 na Casas Bahia, o mesmo modelo custa R$ 2.432,62 na Lojasmm.

No caso do iPhone 8 Plus, a discrepância é ainda mais chocante: na primeira loja, ele é vendido pelo valor de R$ 3.144,14, enquanto na segunda o aparelho chega a R$ 5.498,90 - são R$ 2.354,75 de economia a apenas um clique de distância.

Em lojas físicas de um mesmo shopping, as diferenças também são escancaradas. O modelo Samsung Galaxy A8 é encontrado por R$ 2.399,00 na loja da Tim do Rio Sul. A alguns passos, nas Americanas, ele está a R$ 1.699,00.

Lojas físicas x online

Esse tipo de pesquisa pode gerar uma discussão: o que vale mais a pena, comprar em lojas físicas ou digitais? O estudo conclui que, em 90% dos casos, os produtos na internet contam com preços mais acessíveis.

Se o LG K8 custa R$ 529 na Amazon (menor preço encontrado), nos comércios de três diferentes centros ele está no valor de R$ 899. A mesma situação se aplica ao iPhone 6S, que na pesquisa online pode ser achado por R$ 1.671,05 e no shopping por R$ 2.499.

Mesmo que no ambiente virtual os produtos sejam mais baratos, pessoalmente é possível negociar e usar a discrepância de preços como argumento. Pelo computador, a recomendação é o cálculo de frete, ou até encontrar um site de confiança que não cobre o mesmo.

Pensando na economia do consumidor, a Proteste disponibilizou um plug-in para navegadores de internet que faz uma busca automática pelos melhores preços. Para instalá-lo é só acessar o site MaisBarato.

No entanto, uma coisa é certa. Em qualquer uma dessas hipóteses, não dá para comprar um smartphone à primeira vista

Mais Smartphone