Conteúdo publicado há 30 dias

Filha de Faustão diz que teve ajuda do pai para vencer medo da exposição

Lara Silva, 24, filha de Faustão, 73, decidiu seguir carreira como cantora, mas tinha medo de se tornar uma pessoa pública.

O que aconteceu

Em entrevista ao podcast 'Amplifica', ela falou sobre a carreira: "Eu fiz de tudo para não seguir esse ramo. Sempre tive música em casa, cantava bastante. Até que minha mãe perguntou se eu queria fazer aula de canto. Comecei com 14 anos, em São Paulo, tocava piano também. Sempre estava compondo alguma coisinha, mas levava como hobbie. Aos 24 anos, não tinha mais nada que eu queria fazer da vida além disso".

Ajuda de Faustão: "Eu sou medrosa, não conseguia cantar nem para os meus amigos, tinha muita vergonha, era uma trava. Sempre tive medo de exposição. Até agora quando eu vou fazer show sinto que vou morrer, mas hoje esse medo não me paralisa mais", diz Lara, completando: "Meu pai me ensina muito sobre esses receios que eu tinha sobre ser uma pessoa pública. Um conselho que ele sempre me dá, desde o começo, é: 'Tome muito cuidado com as críticas e mais ainda com os elogios'".

Nos bastidores: "Acho que ter alguém nesse meio de comunicação é muito bom porque você vê um lado que as pessoas não estão acostumadas a ver. Mas em termos de escolha artística sou 100% eu. As pessoas imaginam que estávamos sempre rodeados por artistas, mas não era tanto assim. Ficava rodeada de gente do backstage (dos programas) e do futebol, que meu pai adora".

Deixe seu comentário

Só para assinantes