Conteúdo publicado há 3 meses

Lucas Lucco comenta pausa na música e transtorno: 'Estar sempre na luta'

Lucas Lucco, 32, informou como está após dar uma pausa na carreira musical para cuidar da saúde mental, que anunciou no dia 7 de dezembro do ano passado.

O que aconteceu

Nesta sexta-feira (16), o cantor respondeu após abrir uma caixinha de perguntas e falou que está bem. "Estou bem, mesmo sabendo que a minha condição não tem cura. Tem que estar sempre atento, na luta, bem acompanhado. No mais, está tudo certo", conta.

Em uma das perguntas, ele também comentou sobre previsão de shows e o retorno aos palcos. "Estou com muita saudade também, mas ainda não sei. Pode ser que logo. Vamos estruturar certinho para poder voltar melhor ainda.

O cantor foi diagnosticado com Transtorno Afetivo Bipolar (TAB). Por isso, ele decidiu dar uma pausa na música e focar apenas em outros trabalhos que ele tem. No entanto, ele não parou de cantar e destacou que sempre vai continuar a trabalhar nessa profissão. "Só dei um tempo. Às vezes, a gente precisa dar uma descansada. Precisa desse hiato. Depois de 11 anos direto, senti necessidade".

Comunicado em dezembro

O cantor publicou uma carta no Instagram em que relata que estava "lutando" para cumprir sua agenda de trabalho, mas havia cancelado shows em virtude de muitas crises — principalmente nos últimos 30 dias.

"Oi, pessoal, tudo bem? Nesse ano de 2023, eu tive que soltar nota duas vezes para justificar o adiamento e cancelamento de alguns shows, remanejando e lutando com a agenda por conta de vários e vários compromissos que as empresas que têm hoje me demandam", inicia ele.

Tive inúmeras crises durante o ano, mas no dia 7 de novembro ficou muito intenso, e de lá para cá eu fiquei sem sintomas durante somente três dias desses 30. Eu já estava fazendo um tipo de tratamento e agora resolvi buscar um profissional especializado que, no meu caso, mudou totalmente a abordagem para me ajudar na estabilização.
Lucas Lucco

"Eu tenho certeza que vou conseguir passar por cima disso, mas preciso de uns dias em casa até conseguir me recuperar e me sentir bem com essa mudança. Eu amo tudo o que faço, amo meu trabalho, dentro e fora do palco, mas às vezes o TAB consegue me limitar muito, e por isso preciso dessa pequena pausa", declara.

Deixe seu comentário

Só para assinantes