PUBLICIDADE
Topo

Em duas semanas, Globo perde dupla de apresentadores do Carnaval de SP

Michelle Barros e Chico Pinheiro, quando apresentaram desfiles do Carnaval de SP na TV Globo - Reprodução/ Instagram @michellebarros
Michelle Barros e Chico Pinheiro, quando apresentaram desfiles do Carnaval de SP na TV Globo Imagem: Reprodução/ Instagram @michellebarros

De Splash, em São Paulo

12/05/2022 17h42Atualizada em 13/05/2022 13h39

A saída de Michelle Barros da TV Globo após quase 12 anos de trabalho fez a emissora perder, em um intervalo de duas semanas, seus dois apresentadores do Carnaval de São Paulo.

Neste ano, Barros apresentou o desfile das escolas de samba ao lado de Chico Pinheiro, que deixou o canal após 32 anos "em comum acordo", no final do mês de abril.

Depois de 51 anos de jornalismo diário, 32 deles na Globo, em comum acordo com a emissora, Chico decidiu deixar o dia a dia da vida de repórter, como ele faz questão de se definir. Pretende se dar um sabático e, mais adiante, se dedicar a atividades num ritmo mais espaçado. E combinou comigo que esperaria o fim de mais uma brilhante transmissão do Carnaval, a que se dedica há vinte anos, para que esse anúncio fosse feito, numa sexta-feira Ali Kamel, em e-mail interno que Splash teve acesso

Michelle Barros chegou a publicar no Instagram uma sequência de fotos no dia do anúncio da saída do então colega global. "Chico Pinheiro, obrigada pelas risadas aos montes e pelos zilhões de ensinamentos! Obrigada por ser um monstro no que faz e passar por isso para os que estão ali, do teu lado! Vá, mestre, sabendo que teu telefone tocará às sextas-feiras para que eu ouça: 'Graças a Deus é sexta-feira!", escreveu ela.

Os dois apresentaram o Carnaval de São Paulo em 2020 e neste ano. No anúncio da sua despedida da emissora, Michelle relembrou as duas transmissões que comandou na TV Globo.

"Estive à frente das duas últimas transmissões do carnaval de São Paulo. Na deste ano, fiquei no ar por quase 10 horas na noite 1 e por volta de 8 horas na seguinte. Saboreei cada minuto, sorri, abracei, festejei! Quero mais disso: jornalismo com entretenimento, leve, conversado, pra você, com você. Faz tempo já que sinto que fechei um ciclo. [...] Aos 42 anos, 22 deles no jornalismo, decidi que vou me abrir para isso: novos formatos, novas histórias, novas perspectivas", declarou ela.

Os dois profissionais não são as únicas vozes do carnaval na Globo que a emissora perde. Três dias antes da saída de Chico Pinheiro, Carlos Tramontina também anunciava que deixaria o canal após 43 anos de atividades. O anúncio foi feito duas horas após ele apresentar a apuração do desfile de São Paulo ao lado de Michelle Barros, em 26 de abril.