PUBLICIDADE
Topo

Demitido da Globo, Fernando Rocha celebra: 'Virei dono da minha empresa'

Demitido da Globo, Fernando Rocha celebra: "Virei dono da minha empresa" - Reprodução/Instagram
Demitido da Globo, Fernando Rocha celebra: 'Virei dono da minha empresa' Imagem: Reprodução/Instagram

Laysa Zanetti

De Splash, em São Paulo

21/04/2022 04h00

Aos 55 anos, o repórter e apresentador Fernando Rocha, mais lembrado pelo grande público por sua passagem pelo programa "Bem Estar", nas manhãs da TV Globo, abriu o jogo recentemente sobre sua demissão. Três anos depois de abandonar a emissora carioca, ele comemora a volta por cima apesar da fase difícil: "Hoje, virei dono da minha própria empresa".

Demitido da Globo em 2019, o jornalista mineiro relembra de como se sentiu naquele momento, e aponta que as perspectivas sobre o choque mudaram muito diante da pandemia da covid-19.

"Já são mais de três anos, e temos a impressão de que tudo o que aconteceu antes da pandemia estava em outro mundo, quando a vida era diferente", conta, em entrevista a Splash. "Então, essa notícia, que não foi agradável na época, se soma a várias outras notícias dessa era que fica a uma distância oceânica, agora. O mundo é absolutamente diferente. Por isso, coloco essa notícia junto a essas outras grandes transformações que ocorreram ali."

Para ele, que passou três décadas na Globo e passou por vários setores diferentes, se ver fora dela foi, inicialmente, algo desorientador.

"Falei que me senti como um cachorro que caiu do caminhão de mudança porque isso mostra a falta de referência. Um cachorro, quando cai do caminhão de mudança, está completamente perdido, não sabe de onde vem ou para onde vai. E foi assim que eu me senti em 2019, e foi esse sentimento que me deu força para entender que, no ano seguinte, o mundo também se sentiria assim de alguma forma.

Como ser leve em um mundo pesado

Durante a pandemia, Fernando não estava muito diferente da grande maioria: dentro de casa, passou a reavaliar hábitos e a rotina profissional.

O escritor, que já tem contos, romances e crônicas publicadas, encontrou ali a chance de emplacar mais uma publicação: "Como Ser Leve em um Mundo Pesado".

"O período do auge da pandemia foi também o auge do meu processo de reinvenção", contextualiza.

"Estava trabalhando de casa, pensando em que história eu contaria a partir de tudo o que eu havia vivido e como estava entendendo a vida ao recomeçar depois de um ciclo que havia sido fantástico, mas que havia terminado."

Foi no meio deste processo que o isolamento social o atingiu em cheio.

"Então, eu descubro que tenho uma história para contar. Sou um jornalista, mas sou também um contador de histórias. E foi assim que me vi diante da possibilidade de escrever um novo livro, falando sobre propósito e plano B. Então, foi fantástico fazer a convergência de algo que eu já tinha passado e entender que poderia me transformar a partir da condição que eu tinha, de contar a minha história para outras pessoas."

Hoje, Fernando comemora ter conseguido se reencontrar e reestabelecer profissionalmente dentro do universo da comunicação.

"Eu tenho uma empresa de produção de conteúdo para diferentes plataformas de áudio e vídeo. Produzo podcasts, programas de rádio, palestras que agora estão retornando com muita força. Tenho também programas de TV customizados para canais de YouTube, para sociedades médicas e empresas privadas", conta, satisfeito em poder ocupar um lugar de estabilidade.

"É um momento muito importante da minha vida, porque hoje virei dono da minha própria empresa. Hoje, eu sou a minha empresa. Foi algo que apareceu como uma possibilidade de reinvenção, de literalmente gerenciar o meu próprio caminho. Tenho a oportunidade de trabalhar com pessoas muito legais e de empregar pessoas legais. Então, vivo um momento ímpar da minha carreira."

fernando rocha bem estar - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Fernando Rocha ficou 30 anos na Globo e foi apresentador do 'Bem Estar'
Imagem: Reprodução/Instagram

Mesmo assim, ele diz que se sente grato pela extensa passagem pela Globo, e lembra com carinho de tudo o que viveu profissionalmente na emissora.

"Eu era, sim, muito valorizado dentro da TV Globo, tenho muito orgulho de dizer que passei 30 anos lá. Trabalhei em diversas funções e cidades, fui de Belo Horizonte a Recife, e cumpri a maior parte do tempo, aqui em São Paulo", relata.

"Fui repórter de praticamente todas as editorias. O fato de eu ter me transformado em apresentador de um programa de rede e diário mostra o quanto eu era valorizado lá dentro. E as coisas mudam. O que era de um jeito hoje já não é amanhã. Então, sinto muita gratidão de ter cumprido boa parte da minha trajetória profissional em uma empresa como a TV Globo."

Veja também Fernando Rocha conversando com sua ex-parceira de programa, Mariana Ferrão, no Conexão VivaBem.