PUBLICIDADE
Topo

O Oscar foi para o streaming! Mas a Netflix perdeu para a Apple

De Splash, em São Paulo

28/03/2022 02h05

Depois de muitos anos rejeitando o streaming, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas recebeu em 2022, aparentemente de braços abertos, filmes produzidos e lançados diretamente em plataformas digitais. Com "Ataque dos Cães", da Netflix, como o maior indicado (com 12 menções), o grande vencedor foi... um filme independente distribuído pela Apple.

Apesar de ser lançado no Brasil nos cinemas, pela Diamond Films, "No Ritmo do Coração" foi adquirido originalmente nos Estados Unidos pela Apple, e se tornou um original Apple TV+.

Agora, após receber o careca dourado de melhor filme, carrega consigo o feito histórico de ser o primeiro longa de uma plataforma de streaming consagrado com este mérito pelo maior prêmio da história da Sétima Arte.

A vitória de "CODA" vem após a Academia ter passado alguns anos rejeitando filmes da Netflix e originais de plataformas de streaming em geral. Isso, inclusive, inclui alguns filmes que foram esquecidos pelo Oscar apesar de amplo favoritismo e elogios de crítica.

Agora, embora a gigante do streaming tenha sido rejeitada em troca de uma outra plataforma, o resultado é que a Academia cedeu, de uma forma ou de outra, aos encantos do vídeo sob demanda.

Será que a moda veio para ficar?