PUBLICIDADE
Topo

Há vencedores na disputa entre Globo e Camila Queiroz? Colunistas opinam

Camila Queiroz como Angel em cena de "Verdades Secretas 2" - Reprodução/TV Globo
Camila Queiroz como Angel em cena de "Verdades Secretas 2" Imagem: Reprodução/TV Globo

De Splash, em São Paulo

18/11/2021 12h37Atualizada em 18/11/2021 15h19

A saída de Camila Queiroz da reta final de "Verdades Secretas 2" pegou os fãs da novela e da atriz de surpresa na tarde de ontem. Após o anúncio oficial de que as gravações da novela seguiriam sem ela, a intérprete de Angel criticou a emissora e afirmou ter sofrido uma punição por mudar seu contrato.

O assunto tomou conta das redes sociais enquanto muitos tentam, desde então, apontar certos e errados nesta briga. Mas, afinal, existem vencedores nesta situação? Os colunistas do UOL opinam.

Chico Barney:

Na disputa entre Globo e Camila Queiroz, só encontramos perdedores —principalmente o público, que terá uma gambiarra para encerrar uma história que já não estava aquelas coisas.

"Pela primeira vez a Globo precisa lidar com concorrentes realmente fortes, com planos de longo prazo, de olho em seus talentos, e isso de certa forma pode empoderar artistas populares na hora de negociar. Mas tudo pareceu meio descabido e imagino que o episódio será lembrado como um ponto exemplar dessa fase de transição da emissora, do mercado e da relação com as estrelas."

Marcelle Carvalho:

Nessa situação, acredito que Camila Queiroz tenha se prejudicado. A postura dela não foi nada profissional.

"Sua atitude após a divulgação da nota da TV Globo, bastante incisiva, aliás, corrobora com isso. A atriz apareceu em videozinho no TikTok, dublando uma música, dando a entender que sabe de verdades que poderiam prejudicar outras pessoas. Não é um comportamento que se espera de uma profissional. Até mesmo a nota divulgada por sua assessoria deixa muita coisa por explicar. Quanto menos esclarecedoras as declarações da atriz nesse momento, maior será o prejuízo da sua imagem junto ao público."

Tudo que sabemos:

Mauricio Stycer:

Acho que não houve vencedores. Camila, aparentemente, foi levada a acreditar que era imprescindível para a Globo. Uma ilusão que gerou um tombo.

"Os próximos anos dirão se esse episódio terá impacto em sua carreira. Já a Globo, ao expor a sua fúria com a atitude de Camila, acabou demonstrando estar numa posição defensiva diante da concorrência dos grandes serviços de streaming, como a Netflix."

Guilherme Ravache:

É uma disputa em que os dois perdem. Mas no longo prazo a Globo se beneficia.

"A Globo está adotando uma comunicação mais transparente. Agora discute seus problemas, desafios e conta seu lado da história. Ainda não nos acostumamos a essa nova Globo. No passado, os talentos talvez tivessem receio de falar algo negativo até pelo mercado de trabalho ser mais "limitado" para grandes produções, como são as novelas da Globo. Mas existe uma outra novidade nessa dinâmica, ainda não nos acostumamos ao fato de que até a Globo pode receber exigências descabidas."

Aline Ramos

Uma atriz como Camila é substituível, mas uma emissora como a Globo, não.

"Com certeza a Globo se deu bem melhor nessa queda de braço. Ela contou primeiro a sua versão dos fatos, que acabou se tornando a oficial. Camila está tendo que lidar com os prejuízos de ser dispensada de 'Verdades Secretas II', mas também com um dano à sua imagem já que muitos interpretaram que ela agiu de má fé ao faltar ao último de gravação. Mesmo sendo influente, Camila é só uma atriz diante de uma empresa com o tamanho da Rede Globo. Ela ainda é o elo mais fraco nessa história. Outra vantagem que a Globo tirou nessa história toda foi o 'buzz' gerado em torno da novela".