PUBLICIDADE
Topo

Roberto Carlos ganha homenagem fria no Grammy Latino após cancelar especial

Homenagem de Juanes a Roberto Carlos no Grammy Latino 2020
Homenagem de Juanes a Roberto Carlos no Grammy Latino 2020
reprodução/Grammy Latino 2020

Ana Carolina Silva

De Splash, em São Paulo

20/11/2020 01h39

O Grammy Latino 2020 teve uma fria homenagem a Roberto Carlos na voz do colombiano Juanes e em língua espanhola, o que gerou críticas do público do Brasil. A música "El Gato Que Está Triste Y Azul" foi cantada enquanto uma imagem do brasileiro era mostrada no telão.

Nesta semana, vale lembrar, a TV Globo confirmou que não haverá um especial de fim de ano de Roberto Carlos; a emissora carioca vai exibir uma reprise do show de 2011.

Continua depois da publicidade

Ou seja, o Grammy Latino 2020 nos proporcionou uma espécie de "versão sem graça" do especial do Rei.

A premiação tentou conquistar nossos "hermanos" ao colocar Juanes para cantar Roberto Carlos em espanhol, mas os brasileiros que acompanharam o evento não viram muita graça...

Houve homenagens em espanhol a outros astros, como Julio Iglesias. O espaço dado ao Brasil foi pouco brasileiro.

Na mesma noite, Anitta foi elogiada por uma performance bem brasileira de "Mas Que Nada" (de Jorge Ben Jor), mas a verdade é que ela foi a única grande representatividade brasileira no evento principal do 21º Grammy Latino —os prêmios dos brasileiros foram anunciados antes, na premiere.

Continua depois da publicidade

E embora tenha citado a "união do continente", o Grammy Latino ainda está longe de dar destaque ao Brasil. Enquanto isso, artistas da Espanha concorrem nas categorias principais, e a barreira linguística não explica por que a premiação não foi exibida na TV brasileira.